São Vicente/Carnaval: “Desfile de 2019 está fechado e Estrelas do Mar fica de fora” – presidente da LIGOC-SV 

Mindelo, 15 Nov (Inforpress) – O presidente da direcção da Liga Independente dos Grupos Oficiais do Carnaval de São Vicente (LIGOC-SV), disse hoje que o desfile do Carnaval 2019 “já está fechado” e que o grupo Estrelas do Mar não entra no mesmo.

Em entrevista à Inforpress, no Mindelo, na sequência da conferência de imprensa do vice-presidente do grupo Estrelas do Mar, Hipólito Tavares, no dia anterior, Marco Bento especificou que o regulamento já aprovado pelo conselho deliberativo da LIGOC-SV definiu que são quatro os grupos que vão a concurso na tarde de terça-feira, 05 de Março de 2019, ou seja, Vindos do Oriente, Monte Sossego, Flores do Mindelo e Cruzeiros do Norte.

“O grupo Estrelas do Mar pede para entrar na competição exactamente no momento em que estamos a estabelecer as regras e estas remetem o grupo para o desfile de acesso, como poderia ser outro grupo, ou seja, subida e descida de divisão”, clarificou a mesma fonte.

Marco Bento confirmou que a LIGOC-SV recebeu há dois dias um pedido e a documentação do Grupo Carnavalesco Estrelas do Mar solicitando entrada na liga, num processo que decorre há vários meses, e que se encontra em análise para decisão “em breve”.

Contudo, prosseguiu, uma decisão anterior da LIGOC-SV sobre este assunto indicava que o grupo ao reentrar no Carnaval, ou qualquer outro, teria que passar por um desfile de acesso, uma das decisões que vem estabelecer o sentido que a liga deseja dar ao Carnaval a partir de 2019, com o objectivo de trazer “maior competitividade” ao desfile.

Aliás, reforçou, o estatuto consagra que o grupo que ficar ausente um ano do Carnaval passa a pertencer ao grupo de acesso.

“Quando não se trata de sócio-fundador, para aceder à liga terá de o fazer como sócio transitório qualidade que, por sua vez, obriga a entrada directamente no desfile de acesso, e não no desfile oficial, que funciona como um teste de entrada na LIGOC-SV”, esclareceu a mesma fonte.

Sobre o facto de proceder este sábado ao sorteio da ordem dos grupos no desfile, a quatro meses de distância, já este sábado, Marco Bento explicou que tal relaciona-se “única e exclusivamente” com evento de angariação fundos e “nunca tentativa de exclusão” do grupo Estrelas do Mar.

Por isso, Marco Bento disse que não vislumbra “qualquer má-fé e intenção deliberada de excluir” o grupo Estrelas do Mar, que tem, reiterou, três dias disponíveis para desfilar, sempre no período da tarde, sábado, domingo ou segunda-feira, que antecedem a competição de terça-feira, “mas como grupo de acesso”.

“Não há intenção de excluir o Estrelas do Mar do desfile porque o objectivo da LIGOC-SV é fazer uma Carnaval de excelência e organizado já em 2019”, acrescentou.

A mesma fonte indicou que o estatuto da LIGOC-SV foi publicado no Boletim Oficial II Série nº61, de 26 de Outubro, e estabelece os grupos que vão desfilar, a hora de saída de cada um e o manual dos jurados, todos já aprovados.

“Faço um apelo à calma e à serenidade, pois trata-se de algo novo que estamos a experimentar, e o que desejamos é o desenvolvimento do Carnaval assente na organização rumo à sua industrialização”, concluiu.

AA/FP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos