Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

São Tomé: Quinze membros de mesas de voto concluem formação para segunda volta das eleições presidenciais

Cidade da Praia, 02 Set (Inforpress) – Quinze membros das mesas de assembleias de votos concluem esta sexta-feira, 03, na Cidade da Praia, uma   formação   no âmbito da segunda volta das eleições presidenciais em São Tomé e Príncipe, que acontecem neste domingo, 05.

Em declarações à Inforpress, o membro da Comissão Eleitoral de São Tomé e Príncipe, Celso do Espírito Santo, informou que esses formandos, que receberam informações sobre as operações eleitorais, vão ser divididos pelas assembleias de votos nas ilhas de Santiago, Sal e Boa Vista.

“O objectivo é que estejam bem preparados para no dia das eleições, os eleitores possam exercer os seus direitos de voto com transparência”, indicou.

O responsável perspectivou que nesta segunda volta   os trabalhos vão ser “melhor organizados”, por   existirem somente dois candidatos, quando na primeira volta havia   19 concorrentes às eleições presidenciais.

“Agora o trabalho vai ser mais fácil e nós estamos mais capacitados e as dificuldades encontradas vão ser ultrapassadas por haver melhor funcionamento do processo de votação”, garantiu o responsável.

Em Cabo Verde estão 481 eleitores santomenses divididos pelas   ilhas de Santiago, Sal e Boa Vista.

Na Cidade da Praia, a mesa de voto vai localizar-se na Embaixada de São Tomé e Príncipe, destinada aos eleitores de Cidade Velha, Praia, São Domingos, São Lourenço dos Órgãos, Santa Cruz e Calheta.

Na cidade da Assomada, o Centro Cultural Norberto Tavares vai ter uma mesa para os eleitores de Santa Catarina e Tarrafal, e a Escola Nova dos Espargos, para   eleitores das ilhas do Sal e Boa Vista.

Na corrida presidencial estão o candidato apoiado pela Acção Democrática Independente (ADI, oposição), Carlos Vila Nova, e Guilherme Poser da Costa, que tem o apoio do Movimento de Libertação de São Tomé e Príncipe – Partido Social Democrata (MLSTP-PSD, no poder).

Carlos Vila Nova é engenheiro de formação e foi por duas vezes ministro das Infraestruturas e Recursos Naturais nos governos da ADI, do então primeiro-ministro Patrice Trovoada.

Vila Nova, que venceu a primeira volta das presidenciais com 43,3% dos votos, disse na sua última declaração à imprensa que está “confiante na força e na vontade popular”.

Guilherme Poser da Costa foi o segundo candidato mais votado na primeira volta, registando 20,7% dos votos.

De acordo com a Comissão Eleitoral Nacional (CEN) 123.302 eleitores estão inscritos nos cadernos eleitorais, sendo 108.609 residentes em São Tomé e Príncipe e 14.693 nos 10 países onde se realizou o recenseamento eleitoral este ano.

OM/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos