Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

São Tomé/Eleições: Dois candidatos disputam hoje segunda volta das presidenciais

São Tomé, 05 Set (Inforpress) – Os candidatos Carlos Vila Nova e Guilherme Posser da Costa disputam hoje o cargo para a Presidência da República de São Tomé e Príncipe, na segunda volta de uma eleição marcada por diferendos políticos e jurídicos. 

Carlos Vila Nova (apoiado pelo partido Acção Democrática Independente, oposição) venceu a primeira volta das eleições presidenciais, realizada em 18 de Julho, com 43,3% dos votos, enquanto Guilherme Posser da Costa (do Movimento de Libertação de São Tomé e Príncipe – Partido Social Democrata, no poder) teve 20,7%.

Nesta segunda volta, Posser da Costa conta também com o apoio dos restantes partidos que compõem a ‘nova maioria’ que suporta o Governo de Jorge Bom Jesus – Partido Convergência Democrática e a coligação UDD/MDFM.

A eleição conta com missões de observação da Comunidade Económica dos Estados da África Central (CEEAC), da União Africana e das embaixadas dos EUA, Nigéria e Índia.

Um total de 123.301 eleitores estão inscritos no recenseamento eleitoral, estando registados um total de 14.692 eleitores na diáspora. As urnas abrem às 07:00 e encerram às 17:00 locais (08:00 e 18:00 em Lisboa).

O processo eleitoral para a escolha do sucessor de Evaristo Carvalho no Palácio da Presidência atrasou-se quase um mês, devido a um impasse no Tribunal Constitucional sobre a recontagem de votos pedida pelo terceiro classificado, o presidente da Assembleia Nacional, Delfim Neves, a que se seguiu um diferendo entre os diferentes partidos quanto à marcação da data da segunda volta.

O mandato do Presidente cessante terminou esta sexta-feira, mas Evaristo Carvalho anunciou que se mantém no cargo até à posse do sucessor.

Empresário no sector do turismo, Carlos Vila Nova, 65 anos, foi ministro com as pastas das Infra-estruturas, Obras Públicas e Ambiente nos governos de Patrice Trovoada (2010-2012 e 2014-2018).

Já Posser da Costa, 67 anos, foi primeiro-ministro entre 1999 e 2001, e desempenhou o cargo de ministro dos Negócios Estrangeiros e embaixador. Nas últimas duas décadas dedicou-se à advocacia, trabalhando nomeadamente com investidores estrangeiros.

Inforpress/Lusa/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos