Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

São Salvador do Mundo: Lançado concurso para requalificação da estrada de Leitãozinho

Achada Igreja, 29 Nov (Inforpress) – A Câmara Municipal de São Salvador do Mundo já procedeu ao lançamento do concurso para a requalificação urbana e ambiental da estrada de Leitãozinho, uma obra reivindicada há muito tempo pela população.

A obra, com uma extensão de 1500 metros de comprimento e 4,5 metros de largura, decorre de uma parceria entre a autarquia e o Governo, através do Fundo do Ambiente, e contempla calcetamento geral da via, de valetas, muros de contenção e vales de drenagem de água.

Segundo o regulamento do concurso, só podem participar empresas sediadas nesse município do interior de Santiago, cujas propostas apresentadas pelas mesmas não poderão ir além dos 15 mil contos.

A edilidade, informa que as propostas devem ser entregues nos Paços do Concelho da Câmara Municipal de São Salvador do Mundo, até o dia 12 de Dezembro de 2018, e o acto público de abertura será feito no mesmo dia e local.

Por outro lado, a autarquia salvadorenha comunica que de momento encontra-se em curso as obras de requalificação urbana e ambiental da localidade de Pico Freire, num investimento de mais de nove mil contos, através do Fundo de Ambiente.

O projecto contempla calcetamento geral desta via [Pico Freire] – Casa Grande a Escola de Manipo – assim como as respectivas valetas de drenagem de água.

Numa recente entrevista à Inforpress, o edil salvadorenho, Ângelo Vaz, informou que “herdou” em 2016 um concelho encravado em mais de 86 por cento (%), mas que neste momento, a situação é bastante satisfatória, apontado a título de exemplo obras nas estradas de Covão Grande, Picos Acima, Mato Forte e Pico Freire (obras em curso), prevendo no “futuro próximo” chegar ao Leitãozinho (concurso lançado), Leitão Grande e Manhanga.

O autarca, que exaltou ganhos a nível do desencravamento das localidades nos últimos dois anos, acredita que em 2020 o município vai ser o “mais acessível” do país, ou seja, “quase” desencravado na sua totalidade.

FM/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos