São Nicolau: Presidente Jorge Carlos Fonseca conversa “abertamente” com alunos da Escola Secundária Polivalente Pedro Corsino de Azevedo

Tarrafal de São Nicolau, 27 Abr (Inforpress) –  O Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, reuniu-se esta sexta-feira, no Auditório da Escola Pedro Corsino de Azevedo, com os alunos do Secundário para uma “conversa aberta e descontraída”.

Este evento, organizado em parceria com Ministério da Educação e Delegações Escolares locais, acontece no âmbito da Feira de Livros e da Leitura, uma iniciativa promovida pela Presidência da República.

Este encontro, que demorou cerca de uma hora, teve como objectivo auscultar os anseios dos jovens e chamar atenção para a importância do hábito da leitura, dos livros e dos escritores.

No primeiro momento da sua intervenção, Jorge Carlos Fonseca (JCF), começou por recordar os tempos que estudava no Liceu na Cidade da Praia, da sua juventude vividos durante o 25 de Abril, aquando da Revolução dos Cravos, em Portugal que impulsionou a independência de Cabo Verde.

“O 25 de Abril surgiu como uma possibilidade do sonho ser realidade. Porque em rigor, lutar pela independência de Cabo Verde parecia ser uma utopia”, disse.

Toda esta retorica, teve como propósito lembrar os alunos assistentes que tudo é possível e que não devem deixar morrer seus sonhos.

No segundo momento, falou da importância da leitura e do acesso a livros, mostrando a importância pelo qual surgiu esta iniciativa da campanha “Ler Mais, Saber Mais”.  No seu entender, apesar de hoje haver uso acentuado das novas tecnologias, apelou ainda a leitura.

No terceiro momento, recomendou aos alunos que estudassem mais, colocando tónica sobre a “competição” que existe nos dias de hoje, mas para isso, é necessário que leiam mais para desenvolver o espirito critico e consequentemente, assim, contribuir para o crescimento do seu município.

“Quanto mais sabemos, mais somos autónomos, mais capacidade de argumentar temos e também para decidir” aconselhou.

Para Leonardo Alves, aluno do Secundário, esta reunião foi uma oportunidade para conhecer o “outro lado do Presidente” onde pôde perceber um lado “mais aberto”.

“Ele quis passar-nos todo o seu conhecimento, vivências, para nós jovens que, de certa forma, não temos experiência na vida. E foi uma atividade descontraída, ele nos deu liberdade, conseguiu fazer-nos rir e pudemos conhecer um outro lado do Presidente que não seja aquele que se apresenta na TV”, referiu.

Para Maria Duarte, aluna do Secundário, este encontro serviu para que houvesse uma relação directa entre o Presidente e os Jovens quebrando a formalidade, falando um pouco sobre sua vida.

“Eu achei que foi boa iniciativa, porque pude ouvir suas histórias, sua experiência de vida e, por outro lado, nós pudemos falar com ele, colocar nosso ponto de vista”.

Questionados sobre a importância da leitura a que o Presidente referiu, os alunos responderam que, esta iniciativa vem, com certeza, despertar mais interesse e fazer um esforço para lerem mais.

O Presidente da Republica termina hoje a sua visita de três dias à ilha de São Nicolau estando de partida, no domingo, 28, a partir da Vila da Ribeira Brava.

DG/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos