São Nicolau: Associação Urzela considera que artesanato tem “potencial” na ilha

Tarrafal, 18 Jan (Inforpress) – O presidente da associação dos artesãos de São Nicolau – Urzela, Mateus Ramalho, considerou, hoje que o artesanato tem “um bom potencial”, mas destacou o impacto negativo que a covid-19 está a ter sobre o sector.

Em declarações à Inforpress, Mateus Ramalho salienta que o artesanato possui um “bom potencial em termos de mão-de-obra”, mas sublinhou que com o surgimento da pandemia, tal como outros sectores, o artesanato também sofreu impactos negativos.

“Temos vários talentos na área do artesanato que com os seus trabalhos valorizam esta área. Apesar dos impactos da pandemia, temos, entretanto, tentado contornar as dificuldades”, realça.

Sobre o reconhecimento profissional do artesão feito pelo Centro Nacional de Artesanato e Design (CNAD), o responsável diz tratar-se de uma iniciativa de “extrema importância” para a classe, visto que o reconhecimento dos seus trabalhos irão atingir um outro nível.

“Com esse reconhecimento, teremos outras oportunidades de valorização do nosso trabalho”, afirma.

Relativamente à adesão dos artesãos à associação, o presidente reconhece que “é uma questão um pouco delicada”, explicando que os mesmos não têm o hábito de se dirigirem à associação e na maioria das vezes é a própria associação que procura os artesãos.

LS/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos