São Lourenço dos Órgãos: Presidente da câmara promete continuar a melhorar as condições de vida da população (c/áudio)

João Teves, 09 Ago (Inforpress) – O presidente da Câmara Municipal de São Lourenço dos Órgãos comprometeu-se hoje que em parceria com o Governo vai continuar a enveredar esforços para melhorar as condições de vida da população desse município santiaguense.

Carlos Vasconcelos manifestou esta intenção no seu discurso na sessão solene da Assembleia Municipal, em comemoração aos 17 anos da criação desse município do interior de Santiago, separada em 2005 como uma freguesia do concelho de Santa Cruz.

O acto foi presidido pelo ministro das Comunidades, Jorge Santos, em representação do Governo.

“(…) Hoje podemos afirmar, sem nenhuma veleidade, que valeu a pena a criação do município de São Lourenço dos Órgãos, que o digam os laurentinos que hoje vêem as suas vidas profundamente melhoradas, em termos de acesso aos bens e serviços, uma vez que antes tinham que se deslocar ao vizinho concelho de Santa Cruz da qual fazia parte para suprir as necessidades”, notou o autarca.

Em jeito de balanço do mandato desde 2016 a esta data, o autarca laurentino mostrou-se satisfeito com os ganhos alcançados em vários sectores do desenvolvimento, não obstante ter admitido que a sua equipa não fez tudo.

No entanto, comprometeu-se a trabalhar para que até o final do mandato continuar a garantir e ver a felicidade “estampada no rosto” dos laurentinos.

No domínio das infra-estruturas, que considerou “impactante” para a vida dos munícipes de São Lourenço dos Órgãos”, lembrou que a câmara, em parceria com o Governo, investiu durante os últimos seis anos no município mais de um milhão de contos na infra-estruturação do município, sobretudo no desencravamento, requalificação urbana e ambiental, novo centro de saúde.

Saneamento básico, saúde, educação, água, agricultura, formação profissional, juventude, cultura e desporto, famílias, inclusão social e género foram áreas que a par das infra-estruturas e habitação social, segundo o autarca, mereceram a atenção do executivo camarário que lidera ao longo dos seis anos de mandato.

Tais intervenções, afirmou o chefe do executivo municipal, tiveram resultados palpáveis na vida das populações, sobretudo as famílias beneficiadas.

Carlos Vasconcelos acrescentou, por outro lado, que, não obstante a tripla crise, a equipa camarária que lidera não vai “desfocar” daquilo que é o seu intento, que é garantir aos laurentinos as melhores condições de vida..

“Sabemos que é possível esse nosso desiderato, pois, contrariamente à oposição, temos um parceiro especial que escolhemos desde 2016. Trata-se do Governo da República de Cabo Verde”, concretizou o autarca laurentino.

Por sua vez, o ministro das Comunidades felicitou o município pelos seus 17 anos de existência e pelos seus ganhos alcançados a nível social, água, habitação, saúde, acessibilidades, electrificação rural, agricultura, e em outras áreas do desenvolvimento.

Na ocasião, Jorge Santos assegurou que o desencravamento das localidades vai continuar a ser uma das apostas dos Governo liderado por Ulisses Correia e Silva nesse município com quase 7.000 habitantes.

Por seu lado, os eleitos municipais Antunes Marques (MpD-poder) e José Maria Moreira (PAICV-oposição) são de opinião que a criação do município “valeu a pena” e trouxe “mais infra-estruturas” e serviços nas mais diversas áreas mais perto da população.

Não obstante os ganhos em vários sectores de desenvolvimento, apontaram o abastecimento de água, o desencravamento e habitação social, campo relvado como “maiores desafios” desse município santiaguense.

Na ocasião, a Câmara Municipal de São Lourenço dos Órgãos homenageou, a título póstumo, o padre espiritano Alberto Meireles, que era pároco nesse concelho por 54 anos, e que faleceu a 04 de Março de corrente ano.

Para assinalar os 17 anos do município e o seu santo padroeiro, foi realizada uma série de actividades desportivas, culturais, recreativas e religiosas, que já arrancaram desde Julho, e ainda inaugurações.

Para hoje, consta da programação o festival de música aprazado para as 22:00, no polivalente da cidade de João Teves.

As festividades terão o seu ponto alto esta quarta-feira, 10, com uma celebração eucarística em honra ao orago local, aprazada para as 10:00.

FM/JMV
Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos