São Filipe: Via entre Presídio e Casa das Bandeiras vai ser reaberta ao trânsito cerca de 20 anos depois de proibição

São Filipe, 15 Jun (Inforpress) – A rua entre a praça do Presídio e a Casa das Bandeiras, cuja circulação de viaturas foi ali proibida há cerca de 20 anos, vai ser reaberta ao trânsito no quadro das obras de requalificação do centro histórico.

O vereador do Urbanismo da Câmara Municipal de São Filipe, Euclides Fernandes, disse à Inforpress que neste momento a empresa responsável pela requalificação do centro histórico está a proceder ao rebaixamento do piso de modo a separar a Praça do Presídio e a Casa das Bandeira, sobretudo no extremo sul, com a demolição da escada construída no mandato do antigo presidente, Eugénio Veiga.

Euclides Fernandes disse que a via será reaberta ao trânsito, mas com sentido único, observando que a autarquia tem em curso um estudo com a participação da Polícia Nacional (PN) e da Delegação dos Transportes Rodoviários sobre o novo ordenamento do trânsito no centro histórico da cidade de São Filipe, sendo a ideia ter “grande parte das vias com sentido único”.

No encontro realizado com a PN, para análise da fiscalização de trânsito, uma das medidas tomadas e que começa a ser implementada a partir da próxima semana é a deslocalização das viaturas que fazem cargas e descargas junto do mercado central para a zona de Xaguate, nas proximidades da Delegação do Ministério da Agricultura e Ambiente, no caminho do porto de Vale dos Cavaleiros.

Nesse encontro ficou decidido também a reposição de alguns sinais no centro histórico, que segundo o vereador apresenta alguma deficiência e onde “muitas pessoas circulam por hábito”, já que muitos sinais não estão fisicamente.

Esta situação, adiantou, não tem estado a ajudar a circulação, sobretudo na realização dos exames e foi um dos problemas colocados pelo delegado dos Transportes Rodoviários.

Na terça-feira o vereador reuniu-se com a empresa responsável pela asfaltagem das artérias da parte alta da cidade para análise da questão da sinalização destas artérias que vão ser asfaltadas.

Além da deslocalização das viaturas que fazem transportes de mercadorias para a Cidade da Praia, as medidas que visam descongestionar algumas vias do centro histórico, razão pela qual com a asfaltagem nova sinalização muitas ruas, actualmente com dois sentidos, vão passar a ter sentido único.

No novo ordenamento da circulação de trânsito no centro histórico, está sendo analisada a definição de novas paragens, quer de táxis como de hiaces, para evitar o congestionamento, sobretudo nas imediações do mercado.

JR/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos