São Filipe: Feira de Segurança Rodoviária sensibiliza motoristas para condução defensiva

 

São Filipe, 26 Abr (Inforpress) – A Direcção-geral dos Transportes Rodoviários aproveita as festividades do Centenário do desenterro da Bandeira e das festas do Município de São Filipe para sensibilizar a população para a prática da segurança rodoviária através de uma feira.

A acção realizou-se durante todo o dia de hoje na Cruz dos Passos, e a directora-geral dos Transportes Rodoviários, Dina Andrade, considera ser um “momento especial” para sensibilizar os condutores quanto à importância de uma condução defensiva.

Pretende a organização com esta feira, apostar, igualmente, na divulgação e informação dos sinais de trânsitos, abordar o efeito do álcool na condução, a atitude directa humana como causa directa da sinistralidade rodoviária, mediante palestras em parceria com a Delegacia de Saúde.

A mensagem,   segundo esta responsável, está virada, essencialmente, para os condutores, mas extensiva a demais intervenientes enquanto pessoas e instituições que lidam directamente com a problemática das questões rodoviárias, de forma a melhor expandir estes propósitos.

Considerando que a educação rodoviária começa desde a tenra idade, Dina Andrade disse que esta estratégica está ligada a uma forte aposta nas crianças, enquanto mensageiros das mensagens, ainda que, segundo a directora geral, a segurança rodoviária em Cabo Verde não está má.

Ainda assim, disse que a instituição que dirige está fortemente engajada para que daqui a alguns tempos possa afirmar que a “segurança rodoviária em Cabo Verde é boa”, razão pela qual aponta como “grandes desafios” a educação a partir de base, para que amanhã Cabo Verde possa ter bons condutores.

O Liceu Teixeira de Sousa está representado nesta Feira Rodoviária, iniciativa inédita na ilha do Fogo, com alunos de duas turmas do sétimo e nono ano de escolaridade, tendo o professor Pedro Pires revelado que se trata de uma oportunidade encontrada para que os alunos possam por em prática os ensinamentos da sala de aula.

A segurança rodoviária, explica, é estudada e debatida nas salas de aulas, para que os alunos possam estar sensibilizados e informados quando às regras de uma condução defensiva.

Pires enaltece o interesse destes alunos nesta matéria, já que estes privaram das suas férias escolares para participarem nesta acção considerada nobre e que envolve ainda parceiros como a Polícia Nacional, campanhas de seguros, de entre outras empresas que laboram no país.

SR/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos