Santo Antão: Técnicos do MAA da região Barlavento recebem formação sobre cooperativismo e associativo

Porto Novo, 10 Jul (Inforpress) – Técnicos do Ministério da Agricultura e Ambiente (MAA) da região de Barlavento participam, a partir de hoje, e durante três dias, na cidade do Porto Novo, Santo Antão, numa acção de formação sobre o cooperativismo e associativismo.

A formação, que se enquadra na estratégia deste ministério em promover o agro-negócio, tem por finalidade preparar esses técnicos para melhor apoiarem os agricultores na sua organização, visando melhoria da sua actividade, tanto a nível de produção como de escoamento e comercialização dos seus produtos.

Esta formação, segundo o delegado do MAA no Porto Novo, Joel Barros, acontece numa altura em que o MAA pretende redinamizar o sector de cooperativismo e associativismo em Cabo Verde, envolvendo os agricultores e criadores de gado, que podem encontrar nessa actividade uma via para melhorar e rentabilizar a sua actividade.

As dificuldades de escoamento e falta de mercado têm condicionado muito a actividade agrícola no concelho o Porto Novo, segundo os agricultores, que vêem no cooperativismo e associativismo uma melhor forma resolver esses constrangimentos.

É o caso dos agricultores da Ribeira da Cruz, Chã de Norte e de Martiene, três importantes vales agrícolas deste concelho, que têm na forja a criação de uma cooperativa, que se encarregará, sobretudo, da vertente comercialização.

Essa cooperativa, segundo os agricultores, vai ser criada, “num futuro próximo”, no quadro do projecto de instalação de uma unidade de tratamento e comercialização dos excedentes agrícolas dessas localidades, já na fase de implementação, com o co-financiamento do GEF (Fundo Global do Ambiente).

JM/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos