Santo Antão: Primeiro-Ministro exorta jovens a empreenderem e mesmo que falhem voltem a tentar

 

Ribeira Grande, 18 Ago (Inforpress) – O primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, disse quinta-feira, aos jovens da Ribeira Grande, que “empreender é acreditar e correr riscos” e exortou-os a empreenderem e, “mesmo que falhem, voltem novamente a tentar”.

“Nós temos uma cultura de não valorizar aqueles que falham”, disse Ulisses Correia e Silva, fazendo notar que pior do que falhar é não tentar e apresentou o exemplo dos Estados Unidos onde “quem não tentou nenhuma vez tem ‘zero’ e quem já falhou uma vez tem ‘um’ por ter tentado”.

Segundo o primeiro-ministro, é esta atitude que é preciso introduzir em Cabo Verde, que é de “avaliar positivamente aqueles que se esforçam, que investem, que criam emprego, criam rendimento e criam riqueza” e, adianta o Chefe do Governo, os programas Start Up Jovem e Fomento do Micro Empreendedorismo “têm esta componente”.

Ulisses Correia e Silva, que falava durante a cerimónia de apresentação desses programas na cidade da Ribeira Grande, disse que os Start Up Jovem e Fomento do Micro Empreendedorismo têm o objectivo de “tornar menos difícil o acesso ao crédito em programas estruturados”, sobretudo porque “os riscos são partilhados e existe um fundo de garantia”.

Os programas “Start Up Jovem” e “Fomento do Micro Empreendedorismo”, geridos pela Pró-Empresa pretendem “colmatar certas dificuldades enfrentadas pelos jovens recém-formados e os demais empreendedores com projectos promissores, dando um grande enfoque às mulheres”.

A Pró-Empresa foi criada, em substituição da extinta Agência de Desenvolvimento Empresarial e Inovação (ADEI), para dar todo suporte necessário ao desenvolvimento empresarial e ao fomento do empreendedorismo.

HF/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos