Santo Antão: Porto Novo celebra hoje dia do Santo Padroeiro com presença do primeiro-ministro

 

Porto Novo, 24 Jun (Inforpress) – Porto Novo celebra hoje,24, o dia de São João Baptista, santo padroeiro do concelho, marcado sobretudo com missa solene, celebrada pelo padre Hipólito Cansado, e procissão, actividades que reúnem milhares de cristãos na ribeira da antiga igreja.

A missa em honra ao santo padroeiro, com a presença do primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, e a procissão constituem o ponto alto de um vasto programa religioso à volta de São João, iniciado em Maio, com a peregrinação da imagem do santo pelas diferentes comunidades.

Esta sexta-feira foi dia da romaria de milhares de fieis, levando aos ombros a imagem do santo, entre Ribeira das Patas, interior do município, e cidade do Porto Novo, num percurso de 22 quilómetros.

O programa religioso das festas termina, este domingo, com a missa na capela da Ribeira das Patas.

A missa solene é celebrada na ribeira da antiga igreja de São João Baptista, que vai ser requalificada para receber o santuário de São João, segundo a edilidade portonovense, que se compromete ainda a ajudar a Igreja Catódica na construção da igreja matriz do Porto Novo.

Nessa ribeira, considerada pelos portonovenses o “raiz” do Porto Novo, foi construída, em 1905, a primeira capela deste concelho para abrigar a imagem do santo padroeiro, que antes “vivia” numa gruta à guarda de uma anciã chamada Mãe Maia (Mê Maia), figura lendária do século 19, que foi a “guardiã” de São João.

As festas de São João, cuja imagem terá chegado a Cabo Verde 1616 (século 17) passaram a ser celebradas no Porto Novo com a criação, em 1898, da paróquia local, com sede em Ribeira das Patas.

A sede da paróquia foi transferida em 1962 para a cidade do Porto Novo, com a criação do concelho do Porto Novo.

O Instituto do Património Cultural (IPC) pretende, em Setembro, realizar um inventário das festas de São João, com vista à sua elevação à categoria de património imaterial nacional.

As festividades de São João no Porto Novo foram elevadas, em 2013, à condição de património cultural imaterial municipal.

O dia do santo padroeiro no Porto Novo é marcado ainda por um leque de actividades culturais, ligadas à musica, dança e ao artesanato.

A nível musical, o destaque para o espectáculo dos Kassav que, esta sexta-feira, levou ao rubro as cerca de sete mil pessoas que encheram o antigo estádio Amílcar Cabral”, na cidade do Porto Novo.

As festas de São João no Porto Novo, que têm decorrido na normalidade, constituem, segundo edil do Porto Novo, Aníbal Fonseca, um dos acontecimentos de maior impacto na economia local e da própria ilha de Santo Antão.

Aliás, segundo o autarca, não existe em Santo Antão outro evento capaz de dinamizar o turismo como as festas de São João no Porto Novo.

JM/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
[wd_asp elements='search' ratio='100%' id=2]
    • Categorias

  • Galeria de Fotos