Santo Antão/Planalto Leste: Projecto ”Uma família, um teto seguro” vai ser alargado – associação Luz Viva

Porto Novo, 28 Ago (Inforpress) – O projecto “Uma família, um tecto seguro”, que a Associação Luz Viva, no Planalto Leste, Santo Antão, tem estado a desenvolver, desde Maio, já contemplou 12 famílias, devendo abranger a partir de Setembro mais seis famílias.

O presidente desta associação, Aristides Morais, avançou à Inforpress que no quadro deste projecto, que tem a parceria das câmaras municipais do Porto Novo e da Ribeira Grande de Santo Antão, foram já recuperadas 12 habitações pertencentes a famílias de fracos recursos.

As condições estão criadas para a continuidade do projecto que vai contemplar a reabilitação de mais seis moradias degradadas, avançou este responsável.

A recuperação das habitações em Lagoa do Planalto Leste constitui “uma das prioridades” para este ano de 2022, da Associação Luz Viva segundo o líder associativo, que se diz “preocupado” com a situação de muitas famílias a viverem em casas, cujos tectos ameaçam ruir.

No município do Porto Novo, estima-se que mais de três mil habitações apresentam sinais avançados de deterioração, com a cobertura a ameaçar desabar para a preocupação das famílias.

A edilidade diz ter recuperado, nos últimos seis anos, 1.500 casas, prometendo, até 2024, requalificar, pelo menos, mais 800 casas degradadas, reduzindo, assim, o número de habitações deterioradas neste concelho.

JM/CP

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos