Santo Antão/Planalto Leste: Mau tempo pode pôr em risco a produção de frutas no Planalto Leste

Porto Novo, 13 Mai (Inforpress) – Ventos fortes e quentes que se fazem sentir hoje, no Planalto Leste, em Santo Antão, podem pôr em risco a produção de frutas nessa localidade, depois de uma previsão optimista dos produtores.

A representante dos produtores, Josefa Sousa, que, em Abril, tinha admitido a possibilidade de este ano registar “boa produção” de futas no Planalto Leste apesar da falta de chuva, mostrou hoje receios de que o mau tempo que se faz sentir hoje nesse planalto possa pôr em causa o cultivo.

Essa responsável informou que as fruteiras (marmelo e macieiras) estão na fase de floração, pelo que os ventos fortes corridos ao longo desta sexta-feira, estão a atingir as plantações e vão condicionar “certamente” a produção deste ano.

Apesar da seca que atinge Santo Antão há quase cinco anos, os agricultores no Planalto Leste tinham-se mostrado “optimistas” em relação à produção de frutas em 2022, como marmelo e maçã, caso não ocorresse mau tempo.

Nos últimos anos, especialmente, por causa do mau tempo (ventos), a produção de frutas no Planalto Leste tem sido fraca, avançou Josefa Sousa, que preside à Associação das Mulheres do Planalto Leste (Amupal), cujos membros, boa parte deles, vivem na dependência da agricultura de sequeiro.

A Amupal tem vindo a apostar na transformação de frutas numa unidade de transformação que tem estado a funcionar com dificuldades devido à falta de produção.

JM/HF

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos