Santo Antão: Inovação agro-ecológica testada na ilha para garantir maior disponibilidade de água para agricultura  

Porto Novo, 11 Mai (Inforpress) – A Associação para Defesa do Património de Mértola, Portugal, está a testar na ilha de Santo Antão uma inovação agro-ecológica que tem por fim garantir maior disponibilidade de água para a agricultura, conhecida por “cocoons”.

Esta inovação agro-ecológica está a ser testada em novas plantações que estão a decorrer nos campos experimentais dos planaltos Leste e Norte no quadro do projecto sobre sistemas agro-florestais, que esta associação portuguesa está a implementar em Santo Antão há mais de um ano.

Os ‘cocoons’ são pequenos reservatórios de água feitos com material vegetal, que vai sendo libertada gradualmente assegurando a disponibilidade de água para as plantas ao longo de um período mais longo”, explicou esta organização não-governamental.

Com esta experiência, pretende-se “contribuir para mitigar as necessidades de água para a agricultura”, que é “um dos principais constrangimentos agrícolas” em Santo Antão aumentando, assim, a produtividade, adiantou a mesma fonte.

A Associação para a Defesa do Património de Mértola tem estado a capacitar os agricultores em Santo Antão em captação e uso eficiente de água com vista a uma gestão eficiente da água na agricultura.

A instalação de rega gota-a-gota constitui outro propósito desta associação no âmbito do projecto sobre sistema agro-florestais em Santo Antão, promovido em parceria com as associações das mulheres do Planalto Leste (Amupal), dos jovens agricultores em Casa de Meio e Luz Verde do Norte.

JM/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos