Santo Antão: Incêndio do Planalto está controlado mas não extinto – Serviços de Protecção Civil

 

Porto Novo, 15 Jun (Inforpress) – O incêndio de grandes proporções que deflagrou no Perímetro do Planalto Leste, Santo Antão, só ficou controlado no início da noite desta quarta-feira, mas ainda não foi dado como extinto pelos Serviços da Protecção Civil.

“O incêndio está mais ou menos controlado, mas não está extinto”, assegurou o comandante regional do Serviço da Protecção Civil e Bombeiros de Santo Antão, São Vicente e São Nicolau, Valindo do Rosário, que está a coordenar as operações, nas quais estão envolvidas bombeiros de Santo Antão e São Vicente, militares, guardas florestais e populares.

Segundo este responsável, nesta altura, a maior preocupação é evitar os reacendimentos.

As chamas, que deflagraram na madrugada de quarta-feira, demoraram cerca de 15 horas a ser controladas e, de acordo com uma primeira avaliação dos serviços do Ministério da Agricultura e Ambiente (MAA) em Santo Antão, terão devastado mais de 25 hectares da floresta, numa área coberta sobretudo por pinheiros.

Este foi considerado o maior incêndio ocorrido nesta reserva florestal que, desde 1994, tem sido fustigado por inúmeros fogos.
Ainda se desconhecem as causas do incêndio, mas, segundo o responsável pelo perímetro florestal, António Fortes, há fortes evidencias de que houve mão criminosa, pelo que exorta as autoridades a desencadearem as necessárias investigações com vista ao esclarecimento dessa situação.

O incêndio desta quarta-feira é o segundo ocorrido, em pouco menos de dois meses, nesse perímetro florestal.

JM/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
[wd_asp elements='search' ratio='100%' id=2]
    • Categorias

  • Galeria de Fotos