Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Santo Antão: Governo revê quadro legal sobre criação de sociedades de desenvolvimento para avançar com Sodesa

 

Porto Novo, 07 Ago (Inforpress) – O Governo está a rever o quadro legal que permite a criação de sociedades de desenvolvimento para poder avançar com criação da Sodesa, projecto que os autarcas e empresários santantonenses vêem com “bons olhos”.

A proposta de criação da Sociedade de Desenvolvimento de Santo Antão (Sodesa) partiu da empresa PD Consult e do empresário santantonense José Pedro Oliveira que, até agora, estão à espera de decisão do Governo sobre o apoio na concepção e implementação dessa sociedade, que deveria, em principio, começar a funcionar a partir de Setembro.

“Efectivamente, nós, a empresa PD Consult e o empresário João Pedro Oliveira, apresentamos uma proposta ao Governo para apoiar na concepção e implementação da Sodesa. Estivemos até agora à espera de uma decisão, mas fui informado que o Governo está a rever, primeiro, o quadro legal que permite a criação de sociedades de desenvolvimento”, confirmou à Inforpress Paulino Dias, presidente da PD Consult.

Paulino Dias disse acreditar que a criação da Sodesa, pela sua importância para o desenvolvimento de Santo Antão, será concretizada logo assim que o executivo rever o quadro legal que permite a criação de sociedades de desenvolvimento.

“Segundo fui informado, o Governo está a rever, primeiro, o quadro legal que permite a criação de sociedades de desenvolvimento, mas que têm interesse em avançar com este modelo”, sublinhou este responsável.

De facto, segundo o ministro da Economia e Emprego, José Gonçalves, “o Governo vê com bons olhos a ideia da criação da Sodesa que poderá dinamizar o próprio desenvolvimento económico de Santo Antão”.

A criação da Sodesa, que pode verificar-se ainda em 2017, foi discutida em Santo Antão no mês de Fevereiro, aquando da mesa redonda sobre turismo rural e de natureza, que teve lugar na cidade do Porto Novo.

JM/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos