Santo Antão: Governo perspectiva para 2021 retoma do turismo de forma lenta e gradual – ministro

Porto Novo, 28 Nov (Inforpress) – O ministro do Turismo e Transportes declarou, em Santo Antão, que existe “uma preocupação muito grande” do Governo em criar as condições para que o turismo comece a dar os primeiros passos em 2021, em Cabo Verde.

Carlos Santos, que falava à imprensa esta sexta-feira, prevê, porém, “a retoma do turismo de forma lenta e gradual”, mas garante que o Governo está a preparar o País em termos sanitários, com a criação de regras, procedimentos e protocolos nos hotéis e restaurantes, “para transmitir uma imagem de segurança aos turistas”.

As “notícias” que têm surgido, nas últimas semanas, deixam o Executivo cabo-verdiano “mais tranquilo” no sentido de que “o processo de recomeço do turismo está mais próximo”, avançou o ministro, que iniciou, esta sexta-feira, uma visita a Santo Antão, para “trazer uma mensagem de esperança” aos operadores turísticos “nesta fase de retoma”.

O ministro do Turismo e Transportes, que já visitou alguns empreendimentos turísticos no Porto Novo e encontrou-se com os operadores locais, disse que não se pode avançar com datas para a retoma da actividade turística em Cabo Verde, já que “há variáveis” que não se pode controlar, nomeadamente a decisão dos países emissores em permitirem que os seus cidadãos viajem.

“Mas, temos muitas boas notícias que nos levam a acreditar que o turismo está para breve”, notou o governante, para quem a visita a Santo Antão acontece numa altura em que se está “mais próximo da retoma”, acreditando que 2021 vai ser o ano em que o turismo vai recomeçar a recuperar, embora “lenta e gradual”.

Entretanto, o ministro disse acreditar que, já a partir de Dezembro, algumas companhias aéreas europeias, sobretudo da França, da Polônia e da República Checa, vão começar a voar para Cabo Verde, o que indica, a seu ver, que “as coisas estão a rumar para um porto certo”.

Carlos Santos referiu-se a Santo Antão que estava a ter “uma grande pujança” a nível do turismo, sendo 2019 “um dos melhores anos” do turismo local, em que a ilha recebeu mais de 35 mil turistas.

JM/DR

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos