Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Santo Antão: Ensino pós-laboral na escola secundária da Ribeira Grande arranca com 115 alunos

Ribeira grande, 04 Out (Inforpress)- As aulas em horário pós-laboral na escola secundária da Ribeira Grande, Santo Antão, arrancaram nesta segunda-feira com 115 alunos inscritos, do 9º ao 12º ano de escolaridade.

Segundo o director deste estabelecimento de ensino, António Rodrigues, há quatro anos, foi criada a escola secundária da Ribeira Grande de ensino aos adultos, com o intuito de dar uma “resposta” àqueles que se encontravam fora do sistema público e que pretendiam continuar os seus estudos secundários.

“Anteriormente, no concelho existiu o ensino pós-laboral, mas com o tempo foi extinto e os adultos ficaram praticamente sem solução para continuarem os seus estudos secundários”, afirmou António Rodrigues.

Para além de “ajudar” os adultos a concluírem os seus estudos secundários, António Rodrigues enfatizou que o corpo directivo da escola tem o “sonho” de ir “mais longe”.

É que, segundo o mesmo, desde o ano passado procuram parcerias com as universidades, onde assim que os alunos terminassem o 12º ano não teriam a necessidade de se deslocar às outras ilhas para iniciarem os estudos universitários.

“Este novo projecto da escola certamente terá pés para andar e muito brevemente teremos aqui uma sala do Ensino Superior para ajudar o nosso pessoal, porque aqui temos pessoas trabalhadoras que ao concluírem o 12º não têm como custear as despesas se forem para as universidades nas outras ilhas”, finalizou António Rodrigues.

Por sua vez, o aluno Edson Ferreira explicou aos jornalistas o motivo que o levou a regressar às aulas.

“Sou agente sanitário, e estive quase oito anos longe das salas de aulas. Como depois queria fazer o curso de Enfermagem, então, decidi inscreve-me na escola, para concluir o ensino secundário e alcançar o meu objetivo que é chegar à universidade”, disse Edson Ferreira, salientando que, apesar do cansaço, “é gratificante” trabalhar e estudar”.

LFS/JMV
Inforpress/ Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos