Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Santo Antão: Dar as Mãos a Tarrafal de Monte Trigo promove campanha para impedir abandono escolar de 14 estudantes

 

Porto Novo, 20 Mai (Inforpress) – Dar as Mãos a Tarrafal de Monte Trigo (TMT) já desencadeou uma campanha de solidariedade a favor de 14 estudantes do ensino secundário dessa localidade do interior do Porto Novo, com “graves dificuldades” para prosseguir os estudos.

Dar as Mãos a TMT, uma organização não-governamental, criada em 2015, informou que a campanha visa angariar recursos financeiros ou padrinhos para impedir que os 14 estudantes, provenientes de famílias em “graves dificuldades” abandonem os estudos.

Esses alunos frequentam a escola técnica na cidade do Porto Novo e, por Tarrafal de Monte Trigo ser uma localidade distante, são obrigados a ficar no lar de estudantes que recebe, por cada estudante, entre cinco a oito mil escudos mensais.

Ao todo (internamento no lar de estudantes e propinas), cada um desses estudantes tem uma despesa mensal de nove mil escudos, valor insuportável para essas famílias.

Os estudantes não abandonaram ainda os estudos graças a um apoio disponibilizado, nos últimos três meses do presente ano lectivo, que variou entre 500 e mil escudos por aluno, mas a situação mantém-se “difícil”, segundo a direcção de Dar as Mãos a TMT, que decidiu levar a cabo essa campanha de solidariedade.

Tratou-se de uma “assistência de emergência”, que atenuou os riscos desses alunos deixarem os estudos, segundo Dar as Maus a TMT, que exortou os “amigos e apoiantes” dessa comunidade a ajudarem a associação a encontrar “perspectivas realistas” para garantir o ensino a esses jovens oriundos de famílias desfavorecidas.

Dar as Mãos a TMT foi crida com o propósito de ajudar no processo de desenvolvimento do Tarrafal de Monte Trigo, povoação que se situa a cerca de 40 quilómetros da cidade do Porto Novo.

Até a agora, a intervenção dessa organização tem incidido na promoção da saúde, mas, segundo a sua direcção, “o nosso foco é, cada vez mais, na educação”.

JM/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos