Santo Antão conta com 22 novos cozinheiros recém-formados

Ribeira Grande, 19 Mai (Inforpress) – A ilha de Santo Antão passou a contar, a partir deste fim-de-semana, com 22 novos cozinheiros, os quais receberam os diplomas no final de uma formação ministrada pelo Centro de Emprego e Formação Profissional de Santo Antão (CEFPSA).

“Conseguimos encontrar parceiros e isso fez com que conseguíssemos baixar as propinas e assim todos os jovens que estavam inscritos fizeram logo a matrícula”, disse o director do CEFPSA, Paulo Rodrigues.

“Alguns tiveram dificuldades no decorrer da formação, mas conseguimos algumas bolsas através do Fundo de Promoção ao Emprego e Formação Profissional e hoje todos os 22 que iniciaram a formação conseguiram terminar”, explicou Paulo Rodrigues justificando que se o desejo é ter um “turismo de qualidade” há que apostar numa “cozinha de qualidade”.

Paulo Rodrigues realçou o facto de toda a parte prática do curso ter decorrido no Centro de Formação e Transformação de Produtos Agrícolas, em Afonso Martinho, e adiantou que, a partir de agora, o CEFPSA tem a responsabilidade de colocar os jovens no estágio curricular, depois no estágio profissional e, por último, no mercado de trabalho.

“Temos a certeza de que todos estes jovens estão muito bem preparados para seguirem essa profissão, que a nível mundial é respeitado e nobre”, garantiu Paulo Rodrigues.

A cerimónia de entrega dos certificados aos 22 recém-formados em culinária teve lugar sexta-feira à noite, na cidade da Ribeira Grande, e a formação foi fruto de uma parceria entre o CEFPSA, a Câmara Municipal da Ribeira Grande e o Ministério da Agricultura e Ambiente, através do projecto Poser, em Santo Antão.

HF/AA

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos