Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Santo Antão: Autoridades sanitárias em alerta depois do surgimento de um caso de paludismo em São Vicente

 

Porto Novo, 06 Set (Inforpress) – As autoridade sanitárias em Santo Antão estão em alerta depois do surgimento de um caso de paludismo na ilha vizinha de São Vicente, estando a preparar a realização de uma campanha de sensibilização, que arranca nos próximos dias.

A delegacia de Saúde no Porto Novo, em parceria com a Região Sanitária de Santo Antão, já marcou, para esta quinta-feira, um encontro com os parceiros desta instituição para delinear essa campanha, que visa a prevenção do paludismo neste concelho.

Segundo a delegada de saúde substituta, Eudmila Miranda, as autoridades sanitárias, depois de tomarem conhecimento do surgimento de um caso de paludismo em São Vicente, decidiram desencadear uma campanha de sensibilização das populações para a prevenção dessa doença no Porto Novo, com ligação diária com a ilha vizinha.

Segundo as autoridades, a queda das chuvas aumentou as condições que favorecem o agravamento das doenças transmitidas por vectores e por água, pelo que urge reforçar a luta anti-vectorial neste concelho, onde foi detectado, recentemente, um caso de paludismo importado, envolvendo um cidadão proveniente da Nigéria.

Entretanto, segundo o responsável por esta área, a saúde pública no Porto Novo “está sob controlo”, com o problema de recolha do lixo resolvido, depois dos problemas que afectaram, nos últimos tempos, o município.

Porto Novo enfrentou, ultimamente, “uma situação de emergência” a nível do saneamento básico, devido a problemas com a recolha do lixo, que piorou com a queda das primeiras chuvas, mas que já foi ultrapassada, segundo as autoridades sanitárias.

Carlos Lopes, responsável pela saúde pública neste município, assegurou ainda que, em relação a águas estagnadas, outra situação que tem preocupado os munícipes, a brigada anti-larvar está a percorrer o concelho com a missão de revolver o problema e combater possíveis focos de mosquito.

JM/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos