Santo Antão: Amupal quer dar nova dinâmica à unidade de transformação para atender ao mercado

Porto Novo, 21 Nov (Inforpress) – A Associação das Mulheres do Planalto Leste (Amupal), Santo Antão, através da Casa das Caldeiras, pretende redinamizar a sua unidade de transformação, com vista a atender à procura dos seus produtos no mercado nacional e internacional.

A presidente desta associação, Josefa Sousa, explicou que, já a partir do fim deste mês de Novembro, a unidade, que produz doces, licores e compotas, vai estar sob a responsabilidade do grupo de mulheres beneficiárias que terá que redinamizar esta unidade, tendo em conta a procura dos produtos no mercado.

Os produtos transformados pela Amupal, detentores do selo de origem dos produtos genuínos de Santo Antão, estão a ser cobiçados no mercado europeu, designadamente na França e Inglaterra, assegurou a presidente desta associação, que tem ainda a seu cargo o alojamento turístico em Águas das Caldeiras.

Para a exportação dos produtos, a Amupal espera conseguir, “em breve”, o selo SPG (sistema participativo de garantia), cuja candidatura está em andamento no quadro do projecto “agroecologia como instrumento para a conservação da paisagem terrestre” em Cabo Verde.

A nível nacional, os produtos Amupal estão a conquistar o mercado nacional, mais precisamente os mercados turísticos.

JM/ZS

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos