Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Santiago: Curso de especialização em Ciências Religiosas prevê formar 80 docentes

Assomada, 24 Nov (Inforpress) – A primeira edição do curso de especialização em Ciências Religiosas arranca esta quarta-feira com 80 formandos, sendo 45 na cidade da Praia e 35 de Santiago Norte, cujas aulas vão ser ministradas no município de São Miguel.

A informação foi avançada hoje à imprensa pelo subdirector da Escola de Formação Cristã da Diocese de Santiago, Florenço Varela, à margem da abertura do ano do ano académico 2019/2020 e do referido curso, que decorreu nas instalações do Pólo III da Universidade de Cabo Verde (Uni-CV), em Cruz Grande – Achada Falcão, Santa Catarina.

O evento foi testemunhado pelo cardeal Dom Arlindo Furtado e pelo presidente da Faculdade de Teologia da Universidade Católica de Braga (Portugal) que paralelamente reuniu-se com os inscritos desse curso, tendo proferido uma conferência intitulada, “Educação moral e religiosa nas escolas: diálogo fé e cultura”.

Conforme explicou a mesma fonte, este primeiro curso, promovido pela instituição da qual faz parte, visa dotar os professores de ferramentas necessárias para trabalharem a disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica (EMRC) introduzida, este ano, nas escolas públicas do país.

Este responsável, que lembrou que receberam 98 candidatos, e que o curso inicialmente previa arrancar com 70, afinal vai principiar com 80 formando divididos por duas turmas, uma na Praia (45) e outra em São Miguel (35).

No seu entender, esse número que ultrapassa o que inicialmente se previa e demonstra que a área da Teologia é uma dimensão que precisa ser trabalhada, tendo assegurando que têm pessoas aptas e ávidas para essa formação.

É que, segundo ele, o corpo docente vai ser formado por professores e investigadores nacionais e estrangeiros, com o grau de doutorado e mestre.

Por outro lado, Lourenço Varela destacou a parceria já existente com a Universidade de Cabo Verde e Faculdade da Teologia da Universidades Católica de Braga.

Na ocasião, Dom Arlindo Furtado disse acreditar que a Igreja com a abertura desta formação está a dar uma nova “recentragem” na sociedade em valores.

Por sua vez, o presidente da Faculdade de Teologia da Universidade Católica de Braga indicou que dentro de três anos o país vai ter uma média de 80 docentes com níveis de licenciatura e pós-graduação em Ciências Religiosas.

FM/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos