Santa Cruz: jovem promove campanha contra preconceito em relação às pessoas com VIH

 

Cidade da Praia, 14 Abr (Inforpress) – O jovem de Santa Cruz, Cléber Barbosa está a promover uma campanha que visa chamar a atenção sobre o preconceito que existe para com as pessoas portadoras do vírus da imunodeficiência humana – VIH.

Em declarações à Infopress, o jovem activista explicou que a ideia da realização da campanha denominada “Viva sem preconceito: com ou sem todos somos iguais”, surgiu depois de reparar que em Ponta Achada na cidade de Pedra Badejo, onde reside, existe “muito preconceito” em relação ao assunto.

Na sua opinião, esse preconceito existe por várias razões, entre as quais a falta de informação sobre o que é o vírus, como se transmite, o que se pode fazer para evitá-lo, entre outras, fazendo com que a população “não aceite muito bem” quem convive com o VIH/Sida.

“A campanha vai basear-se na sensibilização das pessoas através de palestras, feira de saúde e actuação de artistas”, disse Cléber, frisando que, levando os artistas, principalmente músicos, as pessoas estarão com a “mente mais aberta” em focar-se na mensagem que o seu ídolo está a tentar transmitir.

Neste sentido, a primeira actividade a organizar-se será no liceu de Pedra Badejo, no próximo dia 22 de Abril, sábado, com o apoio da Associação Cabo-Verdiana para a Protecção da Família (VERDEFAM), da Rede Nacional de Pessoas que vivem com o VIH-Sida, através do seu presidente Daniel Delgado, e alguns artistas por confirmar.

Entretanto, o propósito, segundo ele, é que durante a campanha que irá decorrer por um tempo indeterminado, fazer sensibilização junto de adolescentes e jovens em todas as escolas secundárias da ilha de Santiago e, quiçá, nos liceus das outras ilhas do país, se conseguir apoios necessários.

A taxa de prevalência do VIH/Sida em Cabo Verde é menos de um por cento.

DR/FP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos