Santa Cruz: Director da ESACS defende construção de mais uma escola secundária no município (c/áudio)

Pedra Badejo, 21 Jan (Inforpress) – O director da Escola Secundária Alfredo da Cruz Silva (ESACS), Santa Cruz, defendeu hoje que a construção de uma nova escola secundária nesse município do interior de Santiago deve ser pensada assim que exista uma nova conjuntura económica.

Moisés Tavares, que falava em declarações à Inforpress a propósito do 28º aniversário da ESACS, a ser assinalado este sábado, 22, cujas actividades comemorativas foram antecipadas para hoje, entende que o crescimento populacional e extensão territorial registados nos últimos anos justifica a construção de mais uma escola secundária em Santa Cruz.

“Acho que a situação exige a construção de um novo liceu em Santa Cruz, perante os desafios que existem. A população está a crescer e a cidade a aumentar, e a ESACS por vezes sente a necessidade de ter mais um anexo (…)”, concretizou.

É que, segundo ele, muitas vezes a escola que dirige se sente obrigada a ultrapassar o rácio de alunos por sala por causa da vinda de alunos de outras paragens, ou seja, que terminam o 7º ano nos agrupamentos escolares.

Conforme lembrou, o município conta com três agrupamentos escolares que recebem alunos do 1º ao 7º ano, que depois vão dar continuidade aos estudos na única escola secundária local, que por causa do excedente de estudantes que ultrapassa a capacidade da própria escola, os leva a não cumprir o rácio de alunos por sala.

A este propósito, recentemente, o chefe do executivo municipal de Santa Cruz, Carlos Silva, propôs ao Governo a melhoria da ESACS, em Pedra Badejo, e também defendeu a construção desse estabelecimento escolar quer em Achada Fazenda e em Cancelo pelo Executivo.

FM/ZS

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos