Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Santa Catarina: Chegada da energia eléctrica vai mudar a vida da população da Ribeira dos Engenhos – primeiro-ministro

Assomada, 02 Fev (Inforpress) – O primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, disse hoje acreditar que a chegada da energia eléctrica a várias localidades da Ribeira dos Engenhos, no município de Santa Catarina, vai mudar vida da população local.

Ulisses Correia e Silva fez estas afirmações após presidir a inauguração da obra da electrificação das localidades de Travessa Baixo, Poilão, Mato Gêgê, Librão e João Bernardo, na Ribeira dos Engenhos, cujo projecto beneficia cerca de 1.700 pessoas e 340 casas, dessas cinco localidades e, ao mesmo tempo, vai permitir a reabilitação das ligações em Chã de Cana.

A electrificação da Ribeira dos Engenhos, um investimento de 101 mil contos, financiado pelo Governo de Cabo Verde, está enquadrado nos projectos de electrificação rural, que vão ao encontro das metas estipuladas pelo Executivo de aumentar o acesso à energia eléctrica e de alcançar em 2021 os 100 por cento (%) de electrificação.

Foi construída uma rede de média tensão de mais de sete quilómetros (km) e foram colocados vários candeeiros para a eliminação pública.

Para o chefe do Governo trata-se de um “dia importante” para a população desses povoados que esperam, há 20 anos, a chegada de energia eléctrica e uma satisfação para o Executivo que vê mais uma localidade rural sair da escuridão.

Correia e Silva afirmou que, com a iluminação pública e a conclusão da ligação domiciliária 24 horas por dia na Ribeira dos Engenhos, o País fica “quase 100 % electrificada”, faltando algumas zonas rurais para receber a energia eléctrica.

O chefe do Governo congratulou-se com o facto de, com a conclusão da ligação domiciliária, cujo processo está em curso, as pessoas dessas comunidades agrícolas poderem conservar os seus alimentos, terem uma televisão para ver as notícias e, ainda, para que as crianças e jovens possam estudar com melhores condições.

Por sua vez, a autarca santa-catarinense, na sua intervenção, disse que a chegada da energia eléctrica vai trazer melhor qualidade de vida e melhor forma de conservar os produtos, sobretudo agrícolas.

O executivo camarário pretende alcançar 100% de cobertura eléctrica, nesse município do interior de Santiago, até ao final deste mandato, sendo que, até ao momento, 91% do concelho já se encontra coberto pela rede pública.

Na cerimónia, estiveram presentes o ministro da Indústria, Comércio e Energia, Alexandre Monteiro, vereadores, eleitos municipais e deputados nacionais, presidentes das câmaras municipais de São Miguel, São Salvador do Mundo e São Lourenço dos Órgãos, respectivamente, Herménio Fernandes, Ângelo Vaz e Carlos Vasconcelos, o presidente do conselho de administração da Electra, Alcindo Mota, e os moradores.

FM/HF

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos