Santa Catarina: MpD responde com investimentos nas áreas sociais e infra-estruturas às críticas do PAICV (c/áudio)

Assomada, 15 Mai (Inforpress) – O presidente da CPC do MpD em Santa Catarina afirmou hoje que a gestão autárquica do seu partido tem elevado o município a novos patamares de desenvolvimento, respondendo às críticas do PAICV com investimentos nas áreas sociais e infra-estruturas.

Nataniel Ribeiro falava em conferência de imprensa hoje, na cidade de Assomada, Santa Catarina, para reagir às declarações da Comissão Política Regional (CPR) do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV – oposição) em Santiago Norte, que acusou quinta-feira, 11, a Câmara Municipal de Santa Catarina pelo “retrocesso” em vários sectores do desenvolvimento deste município santiaguense e de gestão virada para o consumismo em vez de investimentos, “de insolvência e clientelismo”.

Em relação à questão de que a gestão da edilidade está virada para consumismo em vez de investimentos, ironizando este dirigente local do MpD sugeriu ao PAICV de Santiago Norte a consultar os relatórios anuais das actividades da câmara municipal, bem como das contas de gerência, e informar-se sobre o “consumismo” que, por exemplo, na área social, só em 2022, 2.186 famílias foram beneficiadas com cestas básicas e outros bens de primeira necessidade.

E ainda apoios à habitação, com a reabilitação de 201 casas, bem assim o arrendamento de nove habitações de famílias pobres, mas, também a atenção dada à saúde, e a outros tantos sectores em matéria de apoios sociais.

O político do Movimento para a Democracia (MpD, partido no poder e que gere a câmara de Santa Catarina) que acusou o porta-voz da CPR do PAICV em Santiago Norte, Jorge Gomes, de mentir ao afirmar que “não há investimentos e que a cidade de Assomada e o município de Santa Catarina estão parados”, elencou um conjunto de obras já inauguradas, em curso e por arrancar “nos próximos dias e no decurso deste ano”.

De entre as obras inauguradas apontou a requalificação do Parque Infantil de Achada Riba, em Assomada, construção do Park de Poilão em Boa Entrada, calcetamento de vias em Achada Riba, Cumbém, Bolanha, em Assomada, em Achada Lém, Ribeirão Carriço, Bombardeiro, e que ainda as que já foram retomadas como da frente marítima da vila de Rincão e a requalificação do polivalente de Cruz Grande, em curso.

Além das obras já executadas e em curso, anunciou que “dentro de poucos dias” vai ser iniciada a empreitada de reabilitação da entrada da cidade de Assomada e a construção de miradouro de Cruz de Picos, e ainda no decurso deste ano a asfaltagem da estrada Arribada/Pingo Chuva/Saltos, e entre tantas outras “para o desagrado do PAICV Santiago Norte”.

Relativamente às afirmações do PAICV de que o município tem “uma diva [presidente da Câmara Municipal de Santa Catarina, Jassira Monteiro] mais preparada para o palco do terreiro da batucada do que o palco dos Paços do Concelho”, Nataniel Robalo considerou-as “preconceito” e “um insulto” não só contra a autarca santa-catarinense, mas, também contra todas as “mulheres guerreiras” e a cultura cabo-verdiana.

Por tudo isso, afirmou que o PAICV, “que tem estendido o vazio de ideias, não tem apresentado nenhuma proposta e nem dados ou exemplos daquilo que sustenta sobre o consumismo, insolvência e clientelismo”, não é alternativa para a governação de Santa Catarina.

FM/ZS

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos