Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Santa Catarina: Jassira Monteiro pede união para “grande desígnio” de fazer do município “centro vital” da região

Cidade da Praia,  13 Mai (Inforpress) – A presidente da Câmara Municipal de Santa Catarina, Jassira Monteiro, apelou hoje aos munícipes a se unirem à volta do “grande desígnio” de fazer do município um “centro vital” para o desenvolvimento de Santiago Norte.

“Apelo a todas e a todos para que nos centremos no essencial, deixando pequenas divergências de lado e nos unamos nesse grande desígnio de fazer de Assomada e de Santa Catarina centros vitais para o desenvolvimento de Santiago Norte e de Cabo Verde”, exortou a autarca.

Jassira Monteiro fez essas considerações numa mensagem que dirigiu aos santa-catarinenses, por ocasião do 20º aniversário da elevação da então vila de Assomada à categoria de cidade.

Lamentou, no entanto, o facto de os 20 anos da cidade de Assomada, uma data de “grande importância” para os santa-catarinenses, se celebrar  numa situação pandémica.

“É um momento de grande importância para a vida de todas e todos os santa-catarinenses”, lê-se na mensagem que a autarca de Santa Catarina dirigiu aos munícipes, referindo-se ao 20º aniversário da elevação da então vila de Assomada à categoria de cidade.

Para Jassira Monteiro, a situação de pandemia em que o País vive, “acrescida do estado de calamidade”, não permiten celebrar com a “dignidade que o momento exigiria” o 20º aniversário da cidade de Assomada.

“Antes de tudo está em causa a saúde das pessoas e, por isso, adiamos promover uma comemoração à altura da importância e da grandeza da nossa cidade e das nossas gentes”, indicou a autarca, sublinhou que, nos últimos anos, a vontade colectiva, tem vindo a transformar Assomada “numa cidade de verdade”.

A cidade de Assomada, lançou a autarca, desde há quatro anos a esta parte tem vindo a percorrer um “importante percurso de requalificação e infra-estruturação”, um caminho, disse, que juntos foi empreendido sob a liderança do saudoso presidente Beto Alves, “cuja perda ainda choramos e que constitui um dos seus mais importantes legados”.

“Não deixaremos morrer o legado de Beto Alves e, pelo contrário, vamos continuar a desenvolvê-lo apostando na infra-estruturação e requalificação acentuadas de Assomada e de Santa Catarina”, destaca a mensagem da autarca santa-catarinense.

Prometeu retomar todos os projectos que perderam ritmo por razão da pandemia, e animar todos os que estão em carteira, “fazendo de Assomada a grande capital regional que marca o rumo em Santiago Norte”.

“Tendo como linha de fundo o progresso e o desenvolvimento de Assomada e de Santa Catarina, as nossas prioridades vão, contudo, para o apoio social activo às famílias mais fragilizadas, à retoma da economia e à criação de meios políticos e práticos de geração de emprego, em particular para os nossos jovens”, precisou a presidente Jassira Monteiro.

Assim, apela a um juntar de vontades e mobilização de energias com vista a se empreender um novo caminho que relance Santa Catarina para “novos ganhos e realizações”.

Para comemorar esta data, o dia de hoje é  marcado com uma cerimónia religiosa em homenagem a Nossa Senhora de Fátima, que conta com a participação de  fiéis católicos.

Segundo o INE, em 2010, o município possuía uma população de 43.454 habitantes sendo 20.324 do sexo masculino e 23.130 do sexo feminino, e de acordo com as projecções da mesma fonte  no ano de 2017 o município contava cerca de 45.922 habitantes sendo que 22.092 masculinos e 23.829 Feminino.

LC/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos