Santa Catarina: Assomada cresceu e continua a ser uma cidade importante – Presidente da República (c/áudio)

Assomada, 10 Mai (Inforpress) – O Presidente da República reconheceu hoje o crescimento de Assomada, que assinala esta sexta-feira, 13, os 21 anos de elevação à categoria de cidade, afirmando que a mesma continua a ser uma “cidade importante” para o País.

José Maria Neves, que iniciou hoje a sua primeira visita oficial de três dias ao município de Santa Catarina, lembrou em declarações aos jornalistas que Assomada foi a primeira vila a ser elevada à categoria de cidade depois da independência de Cabo Verde, ou seja, quase 80 anos depois da criação da última cidade no País.

A vila de Assomada, sub-dividida em 22 bairros, que foi elevada à categoria de cidade, através do decreto-lei 7/2001, de 26 de Março, no entender do mais alto magistrado da Nação foi para “fazer justiça à Santa Catarina e à Santiago Norte”.

“Ao longo dos 21 anos Assomada cresceu e tornou-se numa verdadeira cidade. Não era evidente que, em 2001, ela tinha todas as condições para ser cidade, mas, cidade é uma coisa que se constrói todos os dias. Assomada tem uma importância política, económica e social e cultural grande na ilha de Santiago e em Cabo Verde”, concretizou o chefe de Estado.

Assomada, conforme lembrou, é a quarta maior cidade do País e é uma das “principais cidades” hoje de Cabo Verde que tem registado uma “dinâmica forte” no País e no mundo, referindo-se à sua “grande comunidade emigrada” que tem dado “um grande contributo” para o seu desenvolvimento e crescimento do arquipélago.

Por outro lado, José Maria Neves destacou a importância económica de Santa Catarina para a ilha de Santiago e para Cabo Verde, e ainda o seu contributo para a independência e afirmação de Cabo Verde.

Por isso, acrescentou que este município santiaguense “poderá vir a desempenhar um papel importante no futuro de Cabo Verde, através do crescimento da cidade de Assomada e das suas potencialidades, como agricultura, pecuária, agro-indústria, pesca, turismo e comércio.

Destacou ainda manifestações a nível da música e da dança, e a olaria de Fonte Lima como outras potencialidades que poderão levar Santa Catarina a crescer ainda mais.

Nesse sentido, o PR instou as autoridades a trabalharem essas potencialidades para que se possa garantir a sustentabilidade de desenvolvimento.

Daí, como forma de promover as potencialidades elencadas, José Maria Neves manifestou a intenção de realizar uma exposição e venda de produtos feitos em Santa Catarina no Palácio da Presidência da República, na Cidade da Praia, sem, no entanto, avançar uma data para a sua realização.

Pretende-se com esta iniciativa “mostrar as potencialidades de Santa Catarina” a nível cultural e económica a outros cidadãos, empresas, embaixadores, parceiros e Organizações Não-Governamentais (ONG).

Se tal acontecer, disse acreditar que o município em parceria com estes parceiros vai promover o desenvolvimento sustentável desse concelho do interior de Santiago.

O chefe de Estado, que esteve acompanhado da presidente da câmara local, Jassira Monteiro, após uma visita de cortesia à mesma, visitou no período da manhã as oleiras e escolas na localidade de Fonte Lima.

Já no período da tarde, tem um encontro marcado com os pescadores da vila piscatória de Rincão, onde termina o primeiro dia de visita.

Na quarta-feira, 11, começa o dia com uma visita ao mercado municipal, para, de seguida, deslocar-se à Boa Entrada para se reunir com os agricultores e criadores de gado.

No terceiro e último dia da visita, José Maria Neves começa o dia com uma visita à barragem de Saquinho, onde deve encontrar-se com agricultores de Tabugal e de Charco e termina a sua visita no período da tarde com uma deslocação à vila piscatória da Ribeira da Barca.

Já no período da tarde, tem encontro marcado com associações comunitárias, líderes associativos e forças vivas desse município do interior de Santiago, onde a “ideia principal”, vincou, é mostrar que o desenvolvimento depende das pessoas e que todos têm que ter uma atitude voltada para o mesmo.

FM/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos