Sal: Campeonato nacional de andebol feminino arranca sem representação de São Nicolau

Espargos, 17 Jul (Inforpress) – O campeonato nacional de andebol sénior feminino arranca hoje pelas 18 horas no polidesportivo dos Espargos, no Sal, mas não vai contar com a equipa João Baptista, campeã da ilha de São Nicolau.

Segundo o presidente da Federação Cabo-Verdiana de Andebol (FCA), a ausência do representante da ilha de São Nicolau, devido à falha nos transportes, traz muitos “constrangimentos” na ambição da federação no que toca ao desenvolvimento da modalidade na ilha.

“Um dos motivos que fez com que o andebol do São Nicolau ficasse desativado há 6 anos foram precisamente as dificuldades da sua representação nos campeonatos nacionais, provocando uma desmotivação enorme em todos que trabalham em prol do desenvolvimento do desporto na ilha”, explicou o líder da FCA.

Nelson Martins que falava em declarações à Inforpress, explicou ainda que tudo foi feito na tentativa de “driblar” tal cenário que, “infelizmente veio a confirmar-se mesmo, apesar de a federação ter feito tudo ao seu alcance para que a ilha de São Nicolau estivesse cá representada”, indicou.

“Sem disponibilidade aérea, prosseguiu, procuramos por via marítima, mas a primeira decepção veio quando nos foi dito pela agência que não tinham garantias quanto a disponibilidade no regresso”, disse o timoneiro da FCA, realçando que mesmo assim tentaram posteriormente adiar a partida para o Sal de 18 para 19 de Julho, mas sem sucesso pelo que a solução foi “atirar a toalha ao chão”.

Segundo Martins, a federação não sabe até que ponto tal situação poderá pôr em risco a continuidade da modalidade de andebol feminino na ilha de São Nicolau.

“É uma situação que tem que ser revista pelos responsáveis, fá-lo dos transportes, não devo ser o primeiro nem serei o último a dizê-lo, (…) mas a situação poderá dar sinais de desencorajamento e põe em causa a credibilidade nas diferentes modalidades”, enfatizou.

Entretanto, o presidente federativo espera conseguir um campeonato de “sucesso, como tem sido habitual”, estando a abertura aprazada pelas 18 horas, com o primeiro confronto às 19 horas entre Palmeira e Picos.

O segundo jogo de abertura realiza-se pelas 21 horas e colocará frente-a-frente as equipas de Atlético e Seven.

PE/FP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos