Ribeira Grande: Eleito da ARG denuncia falta de pagamento de retroactivo aos funcionários municipais

Ribeira Grande, 29 Mar (Inforpress) – O eleito municipal da Alternativa Ribeira Grande (ARG- oposição) Feliciano do Rosário acusou hoje o presidente da Câmara Municipal da Ribeira Grande de não pagar o retroactivo de 2014 aos funcionários municipais.

“O presidente deve assumir e pagar o retroactivo de 2014 aos funcionários municipais porque o montante não sairá do seu bolso. São leis que devem ser cumpridas por todos e não é justo”, afiançou Feliciano Rosário, na sua intervenção durante a segunda sessão ordinária da Assembleia Municipal.

O eleito municipal da ARG foi mais longe afirmando que os funcionários da câmara vivem “amedrontados”, por isso “não reivindicam os seus direitos”.

“É uma vergonha o que está acontecendo. Gostaria de saber porque o presidente não faz a recompensa do retroactivo 2014 e aumenta o salário dos funcionários (…). Dizem que vivemos em democracia, mas a democracia não existe na Câmara Municipal da Ribeira Grande”, acusou o eleito municipal.

Por sua vez, o presidente da câmara, Orlando Delgado, assegurou que as declarações do deputado da oposição “não correspondem a verdade”.

“A Câmara Municipal sempre assumiu, na medida do possível, havendo recursos iríamos pagando o retroactivo. O presidente da câmara cumpre a lei e de forma nenhuma iria prejudicar algum funcionário. O que a lei define nós cumprimos e continuaremos a cumprir”, afirmou Orlando Delgado.

O edil ribeira-grandense explicou ainda que as actualizações dos salários dos funcionários municipais são feitas pelo Governo.

“A CMRG não actualiza o salário de nenhum funcionário, os salários são afixados a nível da função pública pelo Estado”, finalizou Orlando Delgado.

LFS/CP

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos