Ribeira Grande de Santiago: Orçamento para 2021 prevê um aumento de 04% – presidente  

Cidade da Praia, 29 Jan (Inforpress) – A proposta de orçamento da Câmara Municipal da Ribeira Grande de Santiago, referente ao ano 2021 prevê um aumento de quatro por cento (%) e irá priorizar as áreas sociais, juventude e infra-estruturação, revelou hoje o autarca local.

Nelson Moreira, que falava à imprensa hoje de manhã, à margem da sessão ordinária para a apreciação e aprovação do plano de actividades e o orçamento de 2021, avançou que o orçamento está avaliado em trezentos e sessenta e três milhões de escudos (363.000.000), um incremento de 04% em relação ao ano transacto.

O autarca explicou que desse montante, cerca de 207 mil contos são destinados aos investimentos e cerca de 156 mil contos para despesas correntes.

Segundo o autarca ribeira-grandense, trata-se de um orçamento exequível, que leva em conta a situação actual da pandemia da covid-19, e foi baseado, também, nos recursos disponibilizados pelos contratos-programa e pelos financiamentos.

Nelson Moreira assegurou que o documento vai dar uma atenção especial às questões sociais, com vista a dar suporte às necessidades das camadas menos favorecidas, que foram os mais afectados pelos efeitos da pandemia do novo coronavírus e pelo desemprego.

Por seu turno, o líder da bancada municipal do Movimento para a Democracia (MpD, oposição) António Monteiro, considerou que o plano de actividades e o orçamento de 2021 foge à fiscalização, sendo que é muito duvidoso, pouco claro e não espelha de forma clara nem especifica as acções

O líder da bancada que se mostrou decepcionado, disse ainda que a mesma não prevê um quadro de execução, o que vai dificultar o acompanhamento das acções.

“O orçamento tem um aumento global de 04%, mas tem também um aumento em cerca de 24% com despesa de pessoal. A câmara não nos disponibilizou o mapa do pessoal, para sabermos quantos são, a situação actual, e não sabemos se há necessidade de recrutamentos”, mencionou.

Por outro lado, mostrou-se confiante que durante o debate de hoje possam ter mais elementos e informações que lhes permita fazer uma avaliação da actual equipa camarária.

Na ocasião, a líder da bancada municipal do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV-poder), Emiliana Santos, destacou a importância desde orçamento, sendo que a mesma é direccionada às famílias e irá dar uma atenção especial à área social, sobretudo, aos mais afectados pela covid-19.

Emiliana Santos adiantou que o documento prevê, ainda, acções a nível da educação, das pescas, da agricultura e da pecuária.

AV/HF

Inforpress/Fim

 

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos