Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

RETROSPETIVA/Boa Vista: Saúde e Educação apontados como sectores “críticos” enquanto infra-estruturação marcou o ano 2019

Sal Rei, 31 Dez (Inforpress) – A Saúde e a Educação foram apontados como os sectores “mais críticos e prioritários” para a ilha, enquanto a infra-estruturação registou “ganhos”, principalmente com a requalificação e expansão do bairro da Boa Esperança.

Este foi o ano em que a ilha recebeu visita de órgãos do Governo e do Estado, e de várias entidades políticas, a destacar, do Presidente da República, o Conselho de Ministros, a presidente da PAICV, Janira Hopffer Almada, deputados dos partidos nacionais, presidente do JPAICV, e ainda a reunião de emigrantes, entre outros assuntos.

Estas visitas tiveram como intuito auscultar as populações e ver “in loco” os problemas que afligem os boa-vistenses. Todos foram unânimes, quando destacaram, durante as suas estadas, em apontar a saúde e educação como sectores “mais críticos e prioritários” para a ilha, opinião partilhada também pelos munícipes que pedem melhores condições nestes sectores.

Na saúde, o Centro de Saúde de Saúde da Boa Vista ganhou uma ambulância, e arrancou com a construção de um bloco operatório.
Na educação, pais, encarregados de educação e alunos manifestaram-se à frente da Escola de Rabil, reivindicando melhores condições no estabelecimento escolar e de educação.

Já na educação, a delegada do Ministério da Educação da Boa Vista, Risandra Gabriel, assinalou como “maior desafio criação de um espaço físico para responder à demanda de alunos que têm chegado à ilha”.

2019 foi o ano em que a ilha registou “ganhos” na infra-estruturação, com destaque para o arranque da primeira fase de demolições de barracas na zona norte do bairro de Boa Esperança, que se enquadra no projecto de requalificação e expansão do bairro, numa parceria entre o Governo de Cabo Verde e a Câmara Municipal da Boa Vista, com investimento de um milhão e 47 mil contos proveniente do Fundo do Turismo.

Ainda no que diz respeito infra-estruturação, foi marco a fase final da construção da estrada e da rotunda do aeroporto Porto-As pedras-Povoação Velha, construção e arrelvamento de dois estádios de futebol, (Rabil e de João Galego), requalificação da Rua Direita, em João Galego e da rua principal de Fundo de Figueiras, arranque de requalificação da rua de Santa Barbara em Povoação Velha, e a reabilitação de habitações, através de um programa que contemplou 80 casas.

Boa Vista acolheu o Conselho de Ministros, tendo o Governo aprovado plano estratégico da Polícia Judiciária e a base de concessão para jogos sociais.

A ilha testemunhou a assinatura de contratos-programa da 2ª fase do projecto de reabilitação e requalificação habitacional entre o Governo e as 22 câmaras municipais do país, em montantes superiores a 19 mil contos cada.

Deu-se ênfase, com o porta-voz da reunião do Conselho de Ministros, ministro Elísio Freire, a anunciar a aprovação de Decreto-Regulamentar que cria o Departamento de Investigação Criminal da Boa Vista, que vai funcionar a partir de 2020, enquanto o Presidente da República promulgou o decreto que cria o Departamento de Investigação Criminal da PJ da Boa Vista.

A nível económico, ficaram registadas outras “novas” feitas pelo Primeiro-Ministro, inclusive o investimento de mais de 20 milhões de euros nas habitações precárias do Sal e Boa Vista.

O ministro da Indústria, Comércio e Energias, Alexandre Monteiro, comunicou também que a ilha terá o primeiro parque solar, que será instalado a zona de Fátima, com uma capacidade de distribuição de cinco megawatss.

O IEFP anunciou a instalação de Centro de Emprego na ilha e arranque de curso em electricidade.

Quanto a registos económicos no turismo durante a Páscoa, estabelecimentos hoteleiros em Sal Rei registaram uma taxa de ocupação “baixa”, quando comparado com anos anteriores.

A nível ambiental, 200 golfinhos cabeça-de-melão deram à costa na praia de Altar, perto da localidade de Bofareira, sendo que se retirou 50 amostras biológicas e quatro dos golfinhos foram congelados, para se determinar a causa deste arrojamento, no âmbito do projecto MARCET.

Ficou o registo de que Boa Vista é a primeira ilha a implementar o Plano de Ordenamento da Orla Costeira e do Mar (POOC-M), um instrumento para salvaguarda do território, principalmente marítima e costeira.

Foi aprovado, pela Assembleia Municipal em sessão ordinária, o Plano Sanitário da ilha da Boa Vista para o horizonte 2016/2036”, com o aterro sanitário que terá 5 hectares, com capacidade de 220 mil toneladas para 20 anos, com um investimento inicial de 400 mil contos.

A Associação Onze Estrelas Clube Bofareira arrancou a primeira fase do projecto “Limpeza, reabilitação e ordenamento da Reserva Natural de Boa Esperança (RNBE”), orçada em 2000 contos, e visa limpar os resíduos sólidos e líquidos na reserva natural de Boa Esperança, sitio RASMAR de Ribeira de Água.

Destaca-se um trabalho da Bios Cabo Verde, publicado na revista de investigação científica internacional Marine Ecology Progress Series, para conhecer a reprodução sexual nas tartarugas e prever este fenómeno no futuro com as mudanças climáticas.

Ainda no ambiente, as associações de conservação e protecção de tartarugas registaram diminuição acentuada dos casos de captura da espécie, com menos 57 casos que no ano passado.

No desporto, o atleta boa-vistense Eskilson Nascimento, penta campeão nos 200 metros, tetracampeão em 100 metros, foi galardoado melhor atleta masculino residente, durante a Gala do Desporto.

Ainda a nível desportivo, no futebol, o Onze Estrelas, campeão regional, pela segunda vez, chegou às meias-finais do campeonato nacional de futebol, feito que desde 2004 não tinha sido alcançado por nenhum clube da Boa Vista.

Outro realce desportivo é a conquista, pelo Clube de Sal-Rei, da “Taça Bubista” , referente à época 2018/2019, e a Super-taça da Boa Vista.

Neste clube foi ainda noticia o facto de ser a primeira colectividade desportiva a eleger uma mulher, Wilza Vieira, presidente da equipa.

Na mesma linha de notícias desportivas, Carlos Nascimento Lima foi eleito o novo presidente da Associação Regional de Futebol da Boa Vista, numa eleição que lhe conferiu a maioria dos votos dos clubes desportivos.

Na cultura, pode-se dizer que a ilha viveu um resgate de festas e reorganização de festas juninas, nomeadamente São João, e o “Moron”, resgate de Cruz de Nho Lôle pelo grupo Turma A, e ainda a festa de Santa Cruz e “Pedrona”.
Realizou-se também a 4ª edição do Festival Butchada Rabil. Azagua, Armando Tito e Benji subiram pela primeira vez ao palco de uma sala de espectáculo na ilha das Dunas.

A Câmara Municipal de Boa Vista rubricou um protocolo de cooperação com a congénere de Rudong, Província de Jiangsu (China), nas áreas económica, cultural, educação, turismo e construção de infra-estruturas, na sequência da participação de uma delegação, chefiada pelo presidente da câmara, José Luís Santos, na 9ª Cimeira do Desenvolvimento Industrial e Comercial Jiangsu/Macau e os Países de Língua Oficial Portuguesa.
Foi notícia na ilha de Boa Vista que o Forte Duque de Bragança, construído há 200 anos no ilhéu de Sal Rei, vai ser transformado em museu.

Quanto aos acontecimentos que tiveram lugar pela primeira vez na ilha, 2019 foi o ano em que se realizou o primeiro Start Up Weekend na ilha, a Igreja Católica levou a primeira experiência das equipas de casais de Nossa Senhora a cidade de Sal Rei e realizou-se a 1ª edição do Fórum Educação Ambiental e a Família.

VD/JMV
Inforpress/fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos