Professores da ilha de Santiago comemoram dia dedicado à classe com convívio no Tarrafal

 

Tarrafal, 23 Abr (Inforpress)- O Sindicato de Professores da Ilha de Santiago reuniu hoje no concelho do Tarrafal (Ilha de Santiago) mais de mil professores de toda a Ilha de Santiago para comemorar o Dia do Professor Cabo-verdiano com um convívio.

Sob o lema “É tempo de valorizar os professores para o alcance dos objectivos do desenvolvimento do milénio”, o dia de hoje ficou marcado por sessões de homenagens, actividades desportivas, almoço de confraternização e uma marcha militar.

Segundo o presidente do SIPROFIS, Abraão Borges, estas actividades são “de grande relevância” para a classe, uma vez que conseguiram reunir professores de toda a ilha de Santiago, de Portugal e do Brasil no Tarrafal, com um único objectivo de continuarem a “trabalhar para a dignidade da classe dos docentes”.

Apesar dos ganhos conseguidos, tendo em consideração que cerca de 62 por cento(%) das revindicações dos professores (progressão, reclassificação, subsídios por não redução de carga horária) já foram resolvidos, este sindicalista quer atingir a meta dos 100%.

“A nível da progressão, eram cerca de 1200 que estavam na lista, mas cerca de 700 docentes já foram contemplado, faltando um número muito reduzido, mas queremos que todos os direitos dos professores sejam salvaguardados. Em termos de reclassificação, de 2013, faltam 145 professores, mas vão ser reclassificados no mês de Maio, mas ainda temos mais de 300 reclassificações de 2014 e 2015”, disse, destacando que faltam por resolver 38% das reivindicações.

No âmbito das comemorações do Dia do Professor, foi homenageado o professor Abel Macedo, do Sindicato Dos Professores do Norte (SPN) de Portugal e os docentes participaram nas actividades do centenário do Tarrafal, evento marcado por uma marcha militar.

Para o presidente da Câmara Municipal do Tarrafal, José Soares, a integração dos professores na comemoração do centenário do Tarrafal deu um outro colorido às actividades , mas também é uma oportunidade de parabenizar todos os professores deste município.

“Se hoje o município do Tarrafal está num patamar em que está, é graças ao empenhamento e ao trabalho árduo dos professores, desde alfabetizadores, dos professores que passaram por Ensino Primeiro até aos que leccionam no Ensino Secundário e Superior”, disse.

AM/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos