Presidente da República diz que democracia cabo-verdiana está “de boa saúde”

Cidade da Praia, 08 Jan (Inforpress) – O Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, disse hoje que a democracia cabo-verdiana está “de boa saúde”, afirmando que prova disso é que, com oscilações, o País nunca esteve fora dos melhores 25 ou 30 nos rankings mundiais.

Jorge Carlos Fonseca falava aos jornalistas momentos antes da apresentação, na cidade da Praia, da obra Magistratura de Influência, VIII (A Cultura, as Pessoas, a Diplomacia, a Ambição de uma Democracia Avançada), que compila todas as mensagens e discursos do Presidente da República (PR) cabo-verdiano de Setembro de 2018 a Outubro de 2019

“Se nós olharmos para o mundo que nos rodeia, mesmo o que se passa em países considerados de democracia mais consolidada que nós, temos razões para estarmos satisfeitos e orgulhosos, mas também ambiciosos para fazer uma democracia avançada”, afirmou.

Jorge Carlos Fonseca falou ainda o seu contributo nos 30 anos de democracia do País, que se comemora a 13 de Janeiro, frisando que lutou para a afirmação da democracia por diversas formas, desde a juventude até agora.

O dia 13 de Janeiro, feriado nacional, marca a realização das primeiras eleições multipartidárias no País em 1991, após 16 anos em regime de partido único.

GSF/JMV
Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos