Preços dos produtos importados diminuíram 0,5% em Julho deste ano- INE

 

Cidade da Praia, 21 Ago (Inforpress)- Os preços dos produtos importados em Julho diminuíram 0,5 por cento (%), valor inferior em 1,9 pontos percentuais (p.p) face ao registado em Junho desde ano, segundo dados do comércio externo, revelados pelo INE.

De acordo com os dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), no mesmo mês, a taxa de variação mensal dos preços dos produtos exportados fixou-se em 1,5%, um aumento de 0,2 p.p. face ao valor registado no mês anterior, enquanto que a taxa de variação mensal registada pelo Índice de Termos de Troca (ITT) foi de 2,1%, valor inferior em 1,8 p.p. face ao registado no mês anterior.

A Variação Mensal do Índice de preços da importação foi bde -0,5 por cento (%) em Julho de 2017, tendo situado em 82,3 por cento (%) ou seja, um decréscimo de 0,5% relativamente ao mês anterior. Por outro lado, o índice subjacente na importação verificou um decréscimo de 6,4 por cento (%) face ao mês anterior. Já o índice volátil na importação aumentou 14,6 por cento (%) face ao mês de Junho de 2017.

Por destino económico dos bens, o INE revela que as categorias que contribuíram para a descida de preços na importação foram “Bens de Capital”, com -7,1 por cento (%), “Automóveis para uso particular”, com -13,9 por cento (%) e “Combustíveis”, com -11,6 por cento (%).

A descida dos preços dos combustíveis nesta categoria está relacionada com a diminuição da única subcategoria denominada “Combustíveis1” -11,6 por cento (%).

O documento indica que a Variação Homóloga foi de 7,0 por cento (%) em Julho, o índice de preço da importação aumentou 7,0%, relativamente ao mesmo período do ano anterior. Os índices, subjacente e volátil verificaram acréscimos de 5,9 por cento ()% e de 9,3 por cento (%),face ao mês homólogo de 2016.

Segundo o INE, no mês de Julho de 2017, o índice de preço das exportações situou-se em 66,8, correspondendo a um acréscimo de 1,5 por cento (%) face ao mês anterior, e o índice, subjacente e volátil na exportação, verificou no mesmo período, um acréscimo de 1,5 por cento (%) e de 3,2 por cento (%),face a Junho do mesmo ano.

Os dados revelam que o Índice de Termos de Troca (ITT situou-se em 81,2 com uma taxa de variação homóloga negativa de -12,4 por cento (%), em Julho deste ano.

AV/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos