Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Preços dos produtos alimentares entre Julho e Setembro “relativamente estáveis” com exceção do milho local – ARFA

 

Cidade da Praia, 04 Nov (Inforpress) – Os preços dos produtos alimentares de primeira necessidade entre Julho e Setembro foram “relativamente estáveis”, com exceção do milho local, cujo preço registou no período um aumento de 7.1 por cento (%), informou a ARFA.

Durante o mesmo período confirmou-se, igualmente, uma queda de preços de (-0.5%) para os cereais e (-0.6%) nos feijões, revelam os dados recolhidos pela Agência de Regulação e Supervisão dos Produtos Farmacêuticos e Alimentares (ARFA).

A análise trimestral confirmou também que, em particular, no grupo dos cereais e dos feijões, a variação do preço médio no período foi de 0.9%.

Em relação ao grupo do açúcar, leite e óleo, a oscilação no período foi de -1.2%, 0.4% e 0.3%, respectivamente.

Comparado o preço médio do terceiro trimestre com o do trimestre anterior, destaca-se o milho local (+13,2%), refere a mesma fonte, com base no Observatório do Mercado, cuja recolha de dados é feita semanalmente, pela ARFA e o Ministério da Agricultura e Ambiente (MAA).

Entretanto, a nível de cereais observou-se no período um aumento de apenas 1.6% e nos feijões registaram-se um acréscimo de 2.1%.

Face ao trimestre homólogo, os dados divulgados confirmaram também que houve uma queda de 3.0% no preço médio dos cereais no terceiro trimestre, destacando a redução de 9.2% no milho 2ª e 4.1% na farinha de trigo.

Nos feijões, o preço médio registou no período uma baixa de apenas 0.5%, com o aumento no feijão sapatinha equilibrado pela queda no feijão bongolom.

JL/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos