Praia: Tribunal decreta prisão preventiva para homem acusado de violar filha menor

Cidade da Praia, 02 Nov (Inforpress) – O Tribunal da Comarca da Praia decretou Prisão Preventiva para um homem de 43 anos, acusado de abusar sexualmente da própria filha, informou a Polícia Judiciária (PJ) em nota enviada à imprensa.

No documento a PJ faz saber que o homem foi detido na segunda-feira, 29 de Outubro, fora de flagrante delito pela Secção de Investigação de Crimes Contra Pessoas – Brigada de Crimes Sexuais –, em cumprimento de mandados do Ministério Público.

O mesmo, diz a mesma fonte,” é suspeito da prática, reiterada, de crimes de agressão sexual com penetração, agravado contra a filha, que à data dos factos contava com 11 anos”.

“Presume-se que o suspeito aproveitava da ausência da companheira para, sob ameaça de morte, obrigar a menor a manter relações sexuais com ele, em número incontável de vezes”, lê-se.

O detido foi presente, na terça-feira, 30, às autoridades judiciárias competentes, para efeito do primeiro interrogatório judicial de arguido detido e aplicação de medidas de coação, tendo-lhe sido aplicado a prisão preventiva.

GSF/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos