Praia: Tribunal decreta prisão preventiva a três indivíduos detidos na Achada Grande Trás

Cidade da Praia, 25 Jun (Inforpress) – O Tribunal da Praia decretou prisão preventiva para três indivíduos, no total de 19 detidos, no âmbito de uma megaoperação realizada no bairro de Achada Grande Trás, cidade da Praia, anunciou hoje a Polícia Judiciária (PJ).

Os restantes detidos viram lhes sento aplicados termo de identidade e residência (TIR) e apresentação periódica, como medidas de coação, conforme informou a mesma fonte.

Em comunicado, a PJ realça que o total de detidos neste processo é 19, uma vez que, após os 17 anunciados, primeiramente, vieram a ser detidos, na segunda-feira, 22, outros dois indivíduos, fora de flagrante.

Os arguidos são suspeitos da prática de crimes de homicídio, homicídio tentado, detenção e disparo de arma de fogo, motim, tráfico de drogas e roubo com violência sobre pessoas e coisas, cometidos de 2014 a esta data.

Ainda na sequência do cumprimento de 25 mandados de buscas a residências, foram apreendidas, segundo a polícia científica, dez armas de fabrico artesanal, denominadas “boca bedjo”, 15 armas brancas, 17 munições calibre 12 mm e 30 tacos de cannabis, tendo ainda sido apreendidos um televisor plasma, um aparelho de micro-ondas, um leitor de DVD e um leitor de CD, que se presume serem objectos provenientes de roubo.

Nesta operação, na qual participou um contingente de 272 efectivos, a PJ contou com o “apoio crucial” da Polícia Nacional e das Forças Armadas.

GSF/JMV

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos