Praia: Jornalistas recomendam criação de rede para trabalhar questões da criança e do adolescente

Cidade da Praia, 29 Nov (Inforpress) – Os jornalistas que participarem numa formação realizada através da parceria ICCA, Unicef e Ajoc recomendaram a criação de uma rede que trabalhasse na defesa dos direitos e questões que envolvem a criança e o adolescente em Cabo Verde.

Em nome dos colegas, Moisés Évora afiançou que com a formação os participantes saíram mais “ricos” e com novas ferramentas de trabalho que os possibilitem uma abordagem mais profunda das questões que envolvem crianças e adolescentes.

O jornalista aproveitou para exortar os colegas a criarem uma rede de trabalho em prol da defesa e protecção das crianças e adolescentes em Cabo Verde.

Segundo Moisés Évora, os formandos da “acção de capacitação para profissionais dos meios de comunicação social em matéria de tratamento jornalístico dos direitos das crianças” saíram com a consciência de que é necessário trabalhar com mais profundidade as questões que abarcam esta camada social, de modo a não só informar, mas também formar a sociedade cabo-verdiana.

Por seu lado, o presidente da Associação Sindical dos Jornalista de Cabo Verde (Ajoc), Carlos Santos, defendeu a necessidade de cada vez mais os jornalistas se especializarem nesta temática, salientando que é preciso envolver nestas acções de formação os editores e chefes de redacção dos órgãos da comunicação social público e privado, para que efectivamente os adolescentes tenham vez e voz.

Carlos Santos reforçou a ideia da criação de uma rede de jornalistas para a questão dos direitos da criança e adolescente, sublinhando que a Ajoc e os jornalistas, principalmente os que saíram desta formação, estão cientes de que devem preservar a identidade dos menores em caso dos seus direitos forem violados.

A formação, promovida pelo Instituto Cabo-verdiano da Criança e do Adolescente (ICCA) em parceria com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e AJOC, decorreu durante três dias na Cidade da Praia.

A mesma foi ministrada pelo jornalista e professor universitário João Medina e contou com a participação dos jornalistas de quase todas as ilhas.

WN/JR//CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos