Praia: Apresentação periódica para suspeito de crime de abuso sexual de crianças

Cidade da Praia, 06 Jun (Inforpress) – As autoridades judiciais aplicaram como medida de coação apresentação periódica a um homem de 36 anos, suspeito de crime de abuso sexual de crianças, foi hoje anunciado.

Em comunicado, o Ministério Público refere que ordenou a detenção, fora de flagrante delito, a um indivíduo do sexo masculino, de 36 anos, por alegado crime de abuso sexual agravado, contra a sua enteada de 13 anos.

Os últimos factos, de acordo com a mesma fonte, teriam ocorrido no primeiro trimestre do corrente ano.

“Efectivada a detenção e submetido ao primeiro interrogatório judicial e em conformidade com o requerimento do Ministério Público, foi aplicada ao arguido a medida de coação de apresentação periódica às autoridades”, informou.

O Ministério Público justificou que em causa estão factos suscetíveis de integrarem, por ora, um crime de abuso sexual de crianças agravado, previsto e punido pela legislação penal cabo-verdiana”, avançando que o processo continua em investigação pelo que permanece em segredo de justiça.

ET/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos