PR regozija-se com plano de emergência para ajudar famílias afectadas pelo mau ano agrícola

 

Cidade da Praia, 05 Out (Inforpress) – O Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, congratulou-se hoje com o facto de o Governo ter elaborado um plano de emergência para fazer face ao mau ano agrícola em Cabo Verde.

“Todos os sinais indicam que o ano não é bom, por isso, fiquei satisfeito de saber que o governo irá aprovar um plano de emergência para poder dar solução razoável, e com os meios disponíveis, para que os milhares de famílias afectados tenham condições, minimamente, dignas e uma vida normal”, disse.

O chefe do Estado fez essa consideração, em declarações à imprensa, na Cidade da Praia, quando questionado sobre as declarações do Governo quanto a medidas para fazer face ao mau ano agrícola.

O Governo anunciou, quarta-feira, que vai implementar o plano de emergência de salvamento de gado e de mitigação da seca num montante de cerca de 700 mil contos, tendo em conta o mau ano agrícola em perspectiva.

O plano, que será hoje aprovado em Conselho de Ministros, foi avançado pelo ministro do Ambiente e Agricultura, Gilberto Silva, durante uma visita a vários concelhos do interior de Santiago, acompanhado pelo representante do Fundo das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO), Rémi Nono, para avaliar a situação do ano agrícola, marcado pela escassez de chuva.

Estima-se que 17.200 famílias, cerca de 62% das famílias rurais, serão directamente afectadas pelo mau ano agrícola esta ano.

PC/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos