Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

PR de Cabo Verde anuncia visita à Guiné-bissau para entre os dias 18 e 20 de Janeiro de 2021

Cidade da Praia, 08 Jan (Inforpress) – O Presidente da República de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, disse hoje que, em princípio, estará de visita à Guiné-Bissau entre os dias 18 e 19 deste mês de Janeiro para relançar as relações entre os dois países.

Jorge Carlos Fonseca fez esta revelação aos jornalistas , momentos antes da apresentação, na cidade da Praia, da obra Magistratura de Influência, VIII (A Cultura, as Pessoas, a Diplomacia, a Ambição de uma Democracia Avançada), que compila todas as mensagens e discursos do Presidente da República (PR) cabo-verdiano de Setembro de 2018 a Outubro de 2019

“A visita à Guiné-bissau em princípio será uma visita oficial de Estado nos dias 18, 19 e 20 de Janeiro”, avançou o Chefe de Estado, completando que a mesma será de relançamento das relações entre Cabo Verde e Guiné-bissau.

Ainda nas suas declarações, Jorge Carlos Fonseca relembrou que Cabo Verde e Guiné-bissau “são países que têm laços históricos de cultura e muitas cumplicidades”.

“Poderá ser um momento importante para relançar, reforçar e aproximar cada vez mais os dois povos”, reforçou.

Jorge Carlos Fonseca recebeu no início de Novembro último, através do embaixador da Guiné-Bissau no arquipélago, Mbála Alfredo Fernandes, um convite do seu homólogo bissau-guineense, Umaro Sissoco Embaló, para visitar aquele país.

“Eu vim cá, trazer uma mensagem de sua excelência o Presidente da República da Guiné-Bissau, a convidar o senhor Presidente Jorge Carlos Fonseca para uma visita oficial ao nosso país, Guiné-Bissau, país irmão de Cabo Verde”, disse Mbála Alfredo Fernandes aos jornalistas, à saída do palácio da Presidência da República.

Mbála Alfredo Fernandes afirmou ainda que o Presidente cabo-verdiano recebeu o convite “com muita satisfação”.

“Estaremos a trabalhar para a concretização dessa visita. Vamos trabalhar diplomaticamente, criar uma comissão que possa fazer um programa abrangente que possa estar dentro daquilo que é o espírito da nossa ligação ancestral, entre os dois povos”, respondeu, quando questionado acerca da possível data da deslocação.

Ainda nas suas declarações, o embaixador referiu que “não será uma visita qualquer”, pelo que “terá de ser bem tratada com níveis abrangentes a todas as áreas e sectores”, o que demonstra que, realmente, a relação entre os dois países “é inquebrável”.

“Ao mesmo tempo, a deslocação do Presidente da República de Cabo Verde servirá para afirmar, mais uma vez, ao mais alto nível, essa relação entre os povos e os Estados que se uniram há muito tempo, não só pela parte política, mas também pelos laços consanguíneos”, concluiu.

Em 2019 o Presidente de Cabo Verde cancelou uma visita que tinha agendado à Guiné-bissau, para acontecer entre os dias de 12 a 14 de Fevereiro.

Jorge Carlos Fonseca, que devia deslocar-se a Bissau, na sua qualidade de presidente em exercício da CPLP, acabou por chegar à conclusão que o momento não era adequado, tendo em conta as legislativas de Março de 2019, na Guiné-bissau.

A visita oficial de Jorge Carlos Fonseca tinha sido anunciada pelo então Presidente da Guiné-Bissau, José Mário Vaz.

GSF/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos