Portugal: Microsoft vai estar representada ao mais alto nível na inauguração do parque tecnológico – Pedro Lopes

Lisboa, 16 Nov (Inforpress) – O secretário de Estado da Economia Digital falou hoje, em Lisboa, na operacionalização no Acordo com a Microsoft, revelando que já tem garantia que a empresa vai estar representada ao mais alto nível na inauguração do parque tecnológico.

Em conferência de imprensa para falar da participação de Cabo Verde na Web Summit 2023, que decorre em Lisboa de 13 a 16 de Novembro, Pedro Lopes afirmou que enquanto Governo de Cabo Verde, a responsabilidade é promover uma plataforma que os cabo-verdianos, independentemente dos sítios onde estejam, possam mostrar o seu valor.

É com base nisso que foi assinado um acordo entre Cabo Verde e a Microsoft, em Setembro, que prevê modernização e formação, incluindo o aumento de acesso a tecnologias e inclusão digital em comunidades remotas e aposta em iniciativas de educação, saúde e desenvolvimento comunitário.

“Parque tecnológico que vai ser inaugurado o mais tardar no primeiro trimestre do próximo ano (…). Não queremos inaugurar apenas pedras. Queremos um evento internacional de grande escala e levar grandes nomes para Cabo Verde. A Microsoft, com a qual estabelecemos uma parceria, já disse que vai estar representada ao mais alto nível, com o presidente ou vice-presidente”, assegurou.

De acordo com o Governo, o acordo com a multinacional informática já está a ser operacionalizado e prevê também acções de modernização da infra-estrutura de tecnologia do país.

O acordo com a Microsoft foi assinado em Nova Iorque, com o secretário de Estado da Economia Digital, Pedro Lopes, a subscrever o mesmo por parte de Cabo Verde, na presença do primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva.

O arquipélago considerou que o compromisso de Cabo Verde em tornar-se um ‘hub’ tecnológico na sub-região africana e servir toda a sub-região, foi reforçado pela parceria com a Microsoft, considerada uma empresa líder mundial no sector tecnológico.

“Para sermos uma referência da Costa Ocidental africana, temos parcerias com ecossistemas, países, mas também com empresas fortes (…). O nosso compromisso com o digital é fundamental e ao mais alto nível”, frisou Pedro Lopes, explicado que o arquipélago tem um Plano de Desenvolvimento Estratégico onde um dos pilares fundamentais é o digital e a inovação.

Cabo Verde participa na Web Summit de Lisboa com uma delegação de mais de 50 pessoas, incluindo dez startups de base tecnológica.

À margem da Web Summit 2023, o Governo, através do Ministério da Economia Digital, realizou esta quarta-feira, o “Sikabado Summit”, que teve lugar na Sociedade de Geografia de Lisboa.

A Web Summit 2023, com o tema “Inteligência Artificial – IA”, considerada uma das maiores feiras de inovação, tecnologia e empreendedorismo, espera a participação de 2.600 startups, 900 investidores e cerca de 70 mil participantes de quase 160 países.

O evento tecnológico nasceu em 2010, na Irlanda, e passou a realizar-se na zona do Parque das Nações, em Lisboa, em 2016 e vai manter-se na capital portuguesa até 2028.

DR/ZS

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos