Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Porto Novo/Seca: MAA continua a subsidiar em 75% transporte de água aos criadores de gado

Porto Novo, 18 Jul (Inforpress) – O Ministério da Agricultura e Ambiente continua a subsidiar, em 75 por centro (%), o transporte de água para o gado no Porto Novo, em Santo Antão, um dos municípios mais afectados pela seca em Cabo Verde.

Trata-se, segundo o delegado deste ministério no Porto Novo, Joel Barros, de uma medida que vigora deste 2016, no âmbito dos planos de emergência adoptado pelo Governo face à seca que afectou o arquipélago e que atingiu, de forma particular, o concelho do Porto Novo, um dos mais áridos do País.

Porém, a Inforpress sabe que o Ministério da Agricultura pondera, nesta altura, suspender esta subvenção aos criadores de gado, já que Porto Novo, deixou de ser abrangido pelos planos de emergência, a partir de 2020.

Joel Barros escusou-se a falar dessa possibilidade, mas reconhece que tem sido “um esforço enorme” do Governo assegurar o transporte de água a “um preço muito reduzido” aos criadores de gado, neste concelho, um dos mais extensos e dispersos e com um dos maiores efectivos pecuário do País (27 mil cabeças de gado).  

Romeu Rodrigues, representante dos criadores, defende a necessidade do Governo manter o apoio à classe no transporte da água, sobretudo neste período do ano, salientando o impacto da medida na vida dos pastores, que, embora esperem “muito tempo” para ser atendidos, pagam “cinco vezes menos” em comparação a privados.  

Há criadores de gado que têm recorrido a viaturas privadas, mas, neste caso, o custo da água fica muito elevado, ou seja, cinco vezes mais do que o preço praticado pelos serviços do Ministério da Agricultura e Ambiente”, explicou.

Este ministério garante que o problema de água para o gado no concelho do Porto Novo ficará, entretanto, aliviado ainda este ano tanto nas zonas altas como na parte mais baixa do município, onde se contra o grosso do efectivo, com a conclusão dos investimentos em curso.

Na zona baixa, dezenas de criadores vão ter água ligada aos currais, enquanto nas zonas altas, mais precisamente no Planalto Norte, o projecto de adução de água para essa localidade, que ficará pronto em Setembro, vai beneficiar também os criadores, segundo o delegado, no Porto Novo.

JM/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos