Porto Novo/Ribeira Fria: Agricultores impacientes com demora na reparação dos equipamentos do furo

Porto Novo, 12 Nov (Inforpress) – Os agricultores em Ribeira Fria, no interior do município do Porto Novo, Santo Antão começam a ficar “impacientes” com a demora na reparação dos equipamentos do furo dessa localidade, que está inoperante há mais de quatro meses.

A representante dos lavradores, Joana Silva, disse hoje à Inforpress que, apesar das promessas do Ministério da Agricultura e Ambiente (MAA), ainda não arrancaram os trabalhos de reparação do sistema de bombagem do furo em Ribeira Fria, onde a “agricultura está, há vários meses, paralisada”.

“Os trabalhos ainda não arrancaram e a agricultura em Ribeira Fria continua paralisada”, lamentou a mesma fonte, segundo a qual os 55 agricultores locais, que já tiveram “prejuízos avultados”, começam a ficar “impacientes” com esta demora.

O delegado do MAA, Joel Barros, garantiu à Inforpress que o processo com vista à resolução do problema no furo em Ribeira Fria “está em andamento” e que, “dentro de pouco tempo”, ficará restabelecido o fornecimento de água para rega, nessa zona.

O problema de água para a agricultura em Ribeira Fria tem que ver, segundo este responsável, com a sobre-exploração do furo, o que acabou por criar problemas ao sistema de bombagem, interrompendo, assim, a produção de água para rega.

JM/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos