Porto Novo/Ribeira da Cruz: Comissão criada para reforma de escola cancela o início das obras

Porto Novo, 20 Nov (Inforpress) – A comissão criada para a reforma da Escola Básica Marcelino Silva, na Ribeira da Cruz, Porto Novo, cancelou o início das obras, que se previa para sábado, 19, alegando que o Ministério da Educação decidiu levantar a autorização inicialmente concedida.

Numa nota publicada nas redes sociais, a comissão, que já havia elaborado o projecto, informou que já tinha mobilizado doações para o início das obras no sábado, 19, entretanto cancelado depois de o Ministério da Educação retirar a autorização para a realização das obras.

Esta comissão diz que já tinha a parceria do grupo Simbrons RC (São Vicente) que pretendia deslocar-se à Ribeira da Cruz no sábado, 19, para a entrega dos donativos e materiais recolhidos nessa ilha e início dos trabalhos.

Um grupo de professores e naturais da Ribeira da Cruz decidiu criar em Outubro uma comissão para a recuperação da Escola Básica Marcelino Silva, que, a seu ver, “se encontra numa situação deplorável”.

O delegado do Ministério da Educação no Porto Novo, Leonildo Oliveira, informou, porém, que a escola faz parte das preocupações deste ministério, que se prepara para reabilitar este espaço escolar.

“Continuamos a trabalhar para reabilitar algumas escolas que carecem de intervenções, nomeadamente a Escola Básicas Marcelino Silva, na Ribeira da Cruz, a escola básica em Jorge Luís e a escola nova da Ribeira Corujinha, na cidade”, assegurou.

O Ministério da Educação encontra-se a “preparar intervenções em outras escolas de acordo com a programação e prioridades estabelecidas, tendo por base os recursos que o Estado de Cabo Verde coloca a disposição do Ministério da Educação”, notou este responsável, depois de visitar a escola no Tarrafal de Monte Trigo, em obras.

JM/AA

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos