Porto Novo: Planalto Norte clama pela resolução da penúria de água que afecta mais de 600 pessoas

Porto Novo, 24 Mai (Inforpress) – A população do Planando Norte do Porto Novo, Santo Antão, a atravessar uma das piores secas dos últimos dez anos, clama pelo arranque do projecto de abastecendo de água à essa localidade, onde residem quase 70 famílias.

Os moradores dizem-se “ansiosos” pela execução do projecto, tendo em conta “a situação de penúria de água” por que passa o Planalto Norte, cuja população tem vindo a ser socorrida através de água auto-transportada, a partir da cidade do Porto Novo.

O Governo, através do Ministério da Agricultura e Ambiente, garante ter já mobilizado o financiamento para a execução do projecto, a ser implementado longo deste ano, e que consiste em transportar água, através de sistemas de bombagem, a esse planalto a partir de uma nascente situada nas imediações do vale de Martiene.

Além do Governo, o projecto conta ainda com o envolvimento do Sistema das Nações Unidas, das cooperações portuguesa e luxemburguesa, bem como do município do Porto Novo e das associações locais.

O Planalto Norte do Porto Novo, por causa da seca, está a enfrentar uma situação de penúria de água que, segundo as autoridades locais, está com “os dias contados”, já que o financiamento para o projecto de abastecimento de água à essa zona foi já mobilizado.

JM/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos