Porto Novo: Pescadores do Tarrafal de Monte Trigo contemplados com equipamentos para unidade de transformação

 

Porto Novo, 06 Mai (Inforpress) – Os pescadores do Tarrafal de Monte Trigo, no Porto Novo, Santo Antão, receberam, este sábado, da Associação para a Auto-promoção da Mulher (Morabi), um conjunto de equipamentos para a instalação de uma unidade de transformação do pescado, nessa localidade.

A entrega dos equipamentos foi feita por um representante da Morabi à Associação dos Pescadores do Tarrafal de Monte Trigo, que está a preparar um espaço adequado para a montagem dessa unidade de transformação do pescado, financiada através do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

Isaías Pires, presidente dessa associação, avançou à Inforpress que se trata de “um projecto importante” para a pesca no Tarrafal de Monte Trigo, já que vai permitir agregar valores ao pescado, aumentando assim o rendimentos dos pescadores.

A instalação dessa unidade estava, inicialmente, prevista para Março, mas a demora na chegada dos equipamentos a Cabo Verde e a necessidade se preparar um espaço para o funcionamento dessa unidade atrasaram o projecto, que será implementado “nos próximos meses”, avançou este responsável.

A Morabi já formou um grupo de 15 operadores de do sector em transformação do pescado e gestão de pequenos negócios que vão trabalhar nessa unidade, cujo custo está estimado em um milhar de contos.

Os pescadores do Tarrafal de Monte Trigo, que dispõem desde 2015 de uma unidade de conservação do pescado, reivindicam ainda, “um pequeno cais de pesca” para os apoiar na actividade pesqueira.

JM/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos